Conselho de administração do BES

“Entrava mudo e saía calado”, percebia tanto de bancos “como de calceteiro”, ganhava 2400 euros por reunião.

Comments

  1. Jorge Ralha says:

    Interessantes algumas das respostas deste senhor… e regulação não serve para coisa nenhuma (?) …. os auditores só fazem “fretes” a quem lhes paga (?) ….. etc.etc..
    Surge-me uma questão …. por que raio de carga d’água temos que pagar a estes biltres ??? …

  2. Américo Montez says:

    Esta entrevista é uma pérola bem ilustrativa do deboche intelectual e moral ostentado por algumas pessoas que se dizem de esquerda.
    Aqui vão mais uns excertos:

    Como chegou a administrador não executivo do BES?
    … no Banco Espírito Santo havia quem defendesse a vantagem de incluir no conselho de administração alguém ligado à resistência ao antigo regime, de esquerda …

    Para que serve, afinal, um administrador não executivo?
    Os administradores não executivos são verdadeiros verbos de encher.
    E os conselhos de administração alargados?
    Também.

    Situações destas deviam levar a demissões?
    … onde está dinheiro existe o perigo de ele ser dissipado, e nunca pela ideia de que são todos pessoas sérias …

  3. j. manuel cordeiro says:

    “Em 1995 participei num dos julgamentos mais engraçados da minha vida, o das facturas falsas da Engil. O advogado da Engil era o dr. Proença de Carvalho e eu trabalhava ao seu lado, por indicação sua, para dois administradores.”

    Proença de Carvalho em todas. Até parece um selo.

  4. Nascimento says:

    Proença está em todas porque é Maçon.Sinistro.
    Este bandido,é aquilo que se pode chamar de VERDADEIRO XUXIALISTA….
    E NÃO É QUE VAI MORRER XUXIALISTA???HAHAHHHH


  5. Há mais de 30 anos que ando a dizer que a Banca , banqueiros e bancáriios incluídos , são os maiores antros de corrupção , que tenho comuNicado ao Banco de Portugal , tribunais , As-sembleia da República , Partidos ,,Presidência da República , Deco , Ordem dos Advogados , muitas outras Entidades e Instituições , mas ninguém ligou e aí está o resultado :
    A corrupção com todo o explendor .

    Proença de Carvalho é uma sinistra personagem da ganância e
    da corrupção . está sempre do lado destes gajos .

    Não se esqueçam de continuar a apoiar e a considerar estes
    bandidos , que muita gente julga como grandes intelectuais ,
    que só sabem fazer mal e dar golpadas de milhões .

    O filho mais velho de Champalimaud é que não foi nas tretas do Proença , que queria que cada herdeiro pagasse um milhão de contos pelo testamento .

    Espero que publiquem este comentário porque sou o maior crí-
    tico da Banca , dos banqueiros e bancários .
    Tudo isto é uma CANALHADA .

  6. coelhopereira says:

    Mas qual é o espanto? Nunca ouviram dizer que “o silêncio é de ouro”? Se ele de ouro é, e ao preço a que o precioso metal está, a boca fechada do excelentíssimo senhor tinha de ser regiamente paga. Por outro lado, o sábio exercício da avisada máxima de que “em boca fechada não entra mosca, nem dela sai asneira” não arrasta com ele um concomitante fechar do bolso à entrada de generosas compensações por tão árduo esforço. Pelo que me toca, é um prazer aprender com a prática vivencial dos nossos melhores. Quando eu for grande, quero ser como estes tão engomadinhos senhores que tão esforçadamente ganham o pão de cada dia.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.