Sumo de Gelo em Braga

sumo_de_laranja_sem_geloCom menos € 2,90, cheguei a casa e procurei no google qual é ou qual deveria ser o aspecto de um “sumo de laranja“.
Curiosamente, nenhuma das imagens que o google me sugere me mostra um sumo de fruta com gelo; aliás, tenho para mim que os sumos de frutas não se vendem nem se servem com gelo.
Lá fora, se eu tivesse querido, tinha-me sentado na esplanada a contemplar o Arco da Porta Nova, a ver quem passava – e passava muita gente – , a ver quem corria para apanhar o comboio.
Não quis sentar-me lá fora, quis sentar-me lá dentro. Lá fora estava muito frio, 15º C, não mais que isso. É o Inverno a chegar e a entranhar-se- nos nos ossos, o mesmo Inverno frio que nos traz as laranjas… frescas. Já por isso, sem gelo.
Lá veio a peça de pastelaria e tal copo com sumo de laranja extraído na hora. Apesar do frio, 1/3 do volume do meu copo vinha preenchido com gelo, gelo que não pedi, de que não preciso (porque está frio) mas que paguei no final como se fosse… sumo de laranja.
O gelo, pelo contrário, além de me deixar menos saciado, aguou-me o sumo de laranja a ponto de não querer mais.
Se Braga se vai mostrando como um destino cada vez mais interessante, é assim que as pessoas vão ser tratadas? – como parvas?
Obrigado… mas não.

Comments

  1. Américo Montez says:
  2. Dora says:

    Beber 1 sumo de laranja natural em qualquer sítio custa uma escandaleira, com ou sem gelo.


  3. Poderias ter pedido para retirarem o gelo, o que obrigaria a encherem o copo, de contrário recusavas… Simples! Gelo é água, logo servir um sumo natural com gelo é diluir o mesmo em água…

  4. Maquiavel says:

    E pagaste tudo? Fizeste mal… eu pagaria apenas 1,93€!

  5. luis coelho says:

    Se não tivesse pedido o sumo com gelo, mandava-os fazer um clister com ele e ia a outro tasco!

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.