Já não se fazem palestinianos como antigamente

Longe vão os tempos em que tudo o que era americano era para abater. Ontem, Donald Trump conseguiu a proeza de ter uma tarja de boas-vindas à entrada da Cisjordânia, a referir-se ao troglodita como um homem de paz. Está tudo doido.

Foto: Mandel Ngan/AFP

Comments

  1. Rui Naldinho says:

    João, temos de admitir que nestas coisas da “real polítik”, a hipocrisia pode ser a chave do “sucesso”!
    Dali não se espera grande coisa. Portanto, tudo o que possa vir de bom, para a paz, é melhor do que nada.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.