As comissões do MBWay

Partilho um ponto de vista sobre o chicoespertismo da banca quanto à cobrança de comissões, neste caso no serviço MBWay.

Por Daniel Santos

“Ainda a propósito do BPI, ser o primeiro banco a cobrar €1,2 por transação feita no MBWay (https://lnkd.in/dYwGmCA):

Quando é que a banca tradicional portuguesa vai perceber que as pessoas não são palermas? Este tipo de situações são de um chico espertismo tremendo. No mínimo, denunciam uma preguiça instituída, que os bancos têm de compreender o que as pessoas, realmente, precisam. Para além de ser manipulativo, do ponto de vista da interação com o serviço (pesquisem “dark pattern UX”), esta é uma abordagem, também, punitiva (“ai usas o MBWay? Então toma lá uma prenda!) e de um autoritarismo perverso, que, infelizmente, ainda é norma em muitos serviços em Portugal.

Numa altura que, a nível europeu, se regula o “open banking” (procurem o que é o PSD2), os próximos dois anos serão determinantes para que o mercado se “abra” ainda mais à inovação vinda das FinTechs. Ora, os bancos que forem pelo mesmo caminho protecionista e reactivo do BPI irão ter um belo fim!
Foto Luis Cortes”

Comments

  1. abaixoapadralhada says:

    Essa quadrilha funciona como os dealers da droga.
    Primeiro oferecem e viciam os infelizes e depois é só sacar…

  2. Daniel says:

    Os espanhóis já estão a fazer estragos no BPI…
    Claro que compra foi apenas para sacar!…

  3. mdlsds says:

    Tenho agendada uma ida ao meu balcão para fechar a conta ordenado que tenho no BPI, deixando bem claro que o motivo é este. Uma conta ordenado é igual em qualquer banco e estou na disposição de ter esse trabalho para que, de facto, não me sinta uma palerma.


  4. Se as transferências para outras fintechs como a Revolut são taxadas, porque razão o MB Way deve ficar isento? Apesar de considerar o MB Way fantástico, não sei se os senhores da EBA e da Concorrência têm a mesma opinião.
    Por outro lado, as Fintechs vão conquistar o frontend aos bancos tradicionais e estes vão carregar nas comissões sobre as contas base!
    O mercado vai ficar mais concorrencial e os clientes vão ganhar! Há que ter alguma paciência 🙂

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.