Comments

  1. Pedro says:

    Há três ou quatro anos houve uma moda de lojas do oculto, magia, cristais e quejandos. Um dos ramos em que havia mais produtos era o favorecimento de negócios. Ele era o talismã da fortuna, era o pózinho da riqueza, a poção para atrair dinheiro, o cristal que chamava clientes, o pingente do sucesso. Estavam cheias desses objectos e foram quase todas à falência.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.