TVI – As Escolas do Grupo GPS

Uma reportagem de serviço público! Nada poderá ficar como estava depois da reportagem de hoje sobre os colégios GPS! Custa-me, sempre, perceber como estes FILHOS da PUTA se governam às nossas custas!

Comments

  1. Jorge says:

    Viva escola privada! viva o liberalismo!

  2. Incognito says:

    Reportagem duvidosa e nada imparcial

    • João Paulo says:

      Duvidosa? A parte do parcial não concordo – em todas as questões ouvimos o que tinham a dizer ambas as partes. Foi uma ENORME demonstração de serviço público de televisão.

      • Fabio says:

        Completamente mentira ! Vocês só ouviram uma parte da história meu caro ! Essa sra repórter mostrou a diferença do custo entre uma turma no publico-privado e no publico ? Essa sra repórter mostrou a diferença na qualidade de ensino ?
        Acho engraçado que neste momento todos se esqueceram da Parque escolar ! Uma empresa para construir e reconstruir escolas publicas que deram milhões de prejuízo ao estado ! As pessoas que viram isto e que aqui estão a comentar só viram uma parte da historia meu caro ! Esta reportagem, como muitas das reportagens feitas por este canal, foi um péssimo serviço publico de televisão !

        • Jorge says:

          Nao tente desviar o assunto . Esta com medo de quê?

        • João Paulo says:

          Fábio… gostava de o vir defender, assumindo a sua identidade e dizendo que o que vimos na reportagem é mentira. Vir agora escrever sobre a parque escolar é falar de tremoços numa sala de cinema!
          JP

    • Jorge says:

      Esta bem abelha

    • António Damásio says:

      Não penso que tenha sido imparcial , foram ouvidas as duas partes e nesse caso não a podemos considerar imparcial. O problema é que as pessoas a quem se fizeram as perguntas ficarem sem saber o que dizer, que é o caso daqueles directores ou lá o que são, que foram entrevistados e que não deram uma “p’rá caixa”, andaram ali às voltas sem responder a nada de concreto. Outros pura e simplesmente descartaram-se de comparecer às entrevistas. Portanto quem acha que isto é imparcial… Bem, no mínimo é estranho ou o Senhor “Incognito” é da mesma cor dos que estão à frente dos colégios. Talvez por isso seja incógnito!

  3. maria celeste d'oliveira ramos says:

    Acabei de ver as professoras a falar sobre isso e enviei-vos mail para vos dizer sobre colégios GPS ainda por cima na terra onde vivi tantos anos (dos 7 aos 15) e estudei e era a melhor aluna da instrução primária (distinção) e de todos os seguintes 5 anos (c9m a respectiva homofobia dos ricos mas eu era melhor que eles)que lá fiz sempre no quadro de honra o que era fácil pois os professores eram bons e fellzes e os alunos também e nem percebia como havia racismo ainda bem que não percebi mas eles muitos nem à univ conseguiram chegar (e depois deixei as caldas e fui para o irreal liceu de santarém fazer 6º+7º que ODIEI e nem esqueço mesmo que queira mas não é possível porque nunca tinha visto professores a descriminar pobres e ricos e quem tinha nota para a universidade e a quem se RETIRAVA nota para não poder ir para a faculdade – fizeram-me ISSO mas nem me podiam proibir de entrar na faculdade esses filhos da puta dos latifundiários – e bem me lembro 50 anos depois desse sr dr Bruno grande cabrão mas vim para a univ mesmo que ele tenha feito tudo para não vir e até fiz 2 licenciaturas de 5 anos (sem bolonhas) e fui melhor aluna do que esses merdosos de santarém que encontrei em agronomia e pelos vistos 50 anos depois faz-se o mesmo que me fizeram no tempo de salazar – continua a haver gente com genoma de puta – pena – é como o olival épocas de safra e contra-safra – estamos em safra de putas – mas estou viva (e malcriada clero que isto não dá para rir e achar graça e até algumas dessas putas foram para ministros da agricultura da UE – onde vao as putas – vão longe – mas parece que não dignificam nem UE nem o país – por isso esta merda está cada vez mais merdosa – são como infectados e não há retrovirais para os parar

  4. maria celeste d'oliveira ramos says:

    Vou ouvir a parvalhona da ministra da justiça na SIC-22H

  5. luis manuel says:

    Isto que foi denunciado já é conhecido à pleo menos três anos (por mim) só que nada vai ser feito com sempre. O polvo é grande.


    • Luís Manuel, essa maneira de pensar é que faz com que nada mude. Se sabia porque não fez nada?
      O polvo é o que nós deixarmos que seja, se é grande é porque deixamos, Mas as primeiras pernas a cortar são as que vêm de nós, depois então já somos capazes de nos indignar com as dos outros até ao ponto de nos querermos incomodar para corrigir o que está mal, em vez de aceitar tudo porque “O polvo é grande”.

  6. Jacquerie says:

    Temos que deixar de ser ingénuos. Isto não vai dar em nada. Esta gente não tem consciência . Tem um desenvolvimento moral de uma hiena. Lutamos com armas diferentes deles daí a nossa desvantagem. E infiltraram tudo em Portugal. Os da justiça são os piores. Se estivermos à espera deles estamos cagados. Faça o seguinte exercício, apesar de tudo o que se vê e lê, se você os visse a cair de um penhasco dava-lhes a mão; eles se o puderem matar devagarinho, com requintes de malvadez, fá-lo-ão.
    No coração, aí reside a diferença.

  7. boneca says:

    E as outras escolas do mesmo género, ninguém as investiga?

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.