Medina Carreira andava a branquear acima das suas possibilidades

medina carreira

O mandato de busca do juiz Carlos Alexandre “indicia que o nome de Medina Carreira foi encontrado nos documentos apreendidos a Canas como tendo três offshores geridos por Michel Canals, e que será mais um cliente da organização”.  (…) Ainda segundo o Sol, no caso de Medina Carreira estarão em causa apenas transferências do banco UBS, na Suíça, para Portugal, efectuadas desde 2006, no valor global de mais de meio milhão de euros. E a investigação terá de pedir informação ao UBS para perceber se o dinheiro em causa era de Medina Carreira ou de clientes seus. in Público

Claro que desmentiu tudo. Podia lá ser. Um homem acima de toda a suspeita. Incapaz de mentir. Sobretudo quando ataca os políticos, coisa que nunca foi.

Comments

  1. Pedro Pinguela says:

    Inqualificáveis as suas insinuações/especulações. O Dr. Medina não está acima nem abaixo de qualquer suspeita. É um mortal como todos nós e como você que em boa moral deveria deixar de lado o “perfil de insinuador”. O Dr. Medina tem o direito e o dever de falar da situação do país. como você tambem escreve sobre isso.
    O seu último parágrafo traz ao de cima uma mente narcísica.
    conhece alguém que nunca tenha mentido ou pelo menos manipulado? Eu não conheço. Veja o Pessoa a propósito das tareias que el diz que nuinc alevou mas que foi apelidado de tudo. Há os outros?! E nós e você.
    Lamentável este tipo de escrita. Não forma, semeia desavença.

  2. Pedro Pinguela says:

    Sim? E qual é a ideologia que assassina Portugal.
    O liberalismo? Não sou muito dado a liberalismos, mas não sou comunista, sou mais do tipo social democrata. Mas se reaprar bem o Dr. Medina também é auto-critico. Importante seria que ponderassemos melhor sempr que falamos do colectivo. Posso ter exagerado nessa frase da mente, mas não apreciei o tom que interpreto do seu último parágrafo.


    • Nem lhe chamo liberalismo: a mentira do “andamos a viver acima das nossas possibilidades” e da impossibilidade de um estado social é um produto do liberalismo mas innclui muitos absolutistas anti liberais.


    • acho que é a matemática, essa ideologia perigosa que para o JJC é uma ciência oculta.

  3. Pedro Pinguela says:

    Conhece Homens acima de qualquer suspeita? Talves menos de meia-dúzia na História do Homem.Mas mesmo esses foram muitas vezes esconjurados.

  4. Vitalino José Santos says:

    Cá se fazem, cá se pagam!… Esperemos pelas novidades! É, naturalmente, honesto esperar pelos resultados das investigações, antes de formularmos críticas menos abonatórias para o bom nome de qualquer pessoa.


    • Não critico esse senhor por branquear dinheiro, coisa que como é óbvio compete aos tribunais deixarem prescrever. Critico aquilo que defende. E como é um rematado mentiroso obviamente inclino-me para não acreditar no que diz.

      • Amadeu says:

        Estás a ser hipócrita. Claro que o acusas de branquear dinheiro. Ora lê lá o título do teu post.


  5. Eu parece-me é que se devia inclinar para perceber que em principio isto não passa de um embuste. O MC anda a falar demais há demasiado tempo e tinham de calar o tipo. Aqui são rápidos a crucificar a malta toda, sem excepção.
    Pelos vistos aqui no Aventar é tudo impoluto. É o grupo dos sábios a fazer lembrar o outro grupo de sábios nomeados pelo governo do Gaspar.

  6. Pedro Pinguela says:

    Lá voltamos ao mesmo!…Onde você vê embuste ao vejo ideias diferentes e perspectivas diferentes. Claro muitos de nós não concordam com elas. Mas as suas não serão,porventura, melhores. são diferentes. Estudou à conta do pai?! É bem instalado na vida? Quantos quer? Não há contraditório?! Sim, no programa não há contraditório. Há por outras vias e nomeadamente nos blogs que indicou. Não abano a cabeça a tudo o que o Dr. Medina diz, longe disso. Opiniões diferentes, mesmo económicas é bom, desde que nas questões do poder e da sua regulação consigamos avançar para bem de todos e de uma grande parte de nós sem cartas debaixo da mesa.
    Outra coisa bem diferente é partir da insinuação que ele é mentiroso e daí se comcluirá que está implicado nesta bodega. Não sei se está. é um problema da minha “fé” no Dr. Medina, como seria na sua. É necessário alguma prudência para olhar “para além do muro”. Não gosto do Homem, muito bem. Eu não gosto nem desgoisto, mas a prudência diz que devemso olhar para estas coisas com muita reserva, para se tentar perceber o que se pretende alcançar de verdade.

  7. Luís says:

    Últimamente o Medina Carreira tem atacado fortemente a justiça em geral e o Ministério Público em particular.
    Conhecendo o descrédito a que esta instituição chegou, principalmente as suas excelentes relações com a maçonaria, com os partidos da corrupção e com a banca que patrocina congressos e fins de semana de sonho para os seus membros e familiares, não me custa acreditar num algum ajuste de contas.
    Esta actuação de mediatizar as buscas é tipica deste grupo de interesses, especialista em arquivar processos contra os “donos de Portugal” mas altamente eficaz em acusar sem abrigo que roubam no Pingo Doce.
    Independentemente de ser ou não culpado, o efeito pretendido já foi conseguido, conforme demonstra o último parágrafo do autor do post.


    • A mim basta-me perfeitamente que seja culpado de mentir sobre a economia, ocultar que andamos a pagar as dívidas dos bancos, pregar o fim do estado social, e já agora colocar todos os que têm actividade política no mesmo saco, como se ele não tivesse feito carreira a partir da sua passagem pelo governo.
      Se tem pés de barro, não me admira nada. Como defensor dos Donos de Portugal que sempre foi, não vejo onde está o espanto.
      Aliás as suas declarações de hoje são um embuste: quando a PJ faz uma busca não diz o que procura, e como é óbvio ele não pode fazer ideia se foi ou não encontrada alguma prova.

      • Amadeu says:

        Mas aqui o que está em causa ?
        O que ele prega e quem ele acusa e como acusa ?
        Ou quem o acusa e de quê ?
        Cá para mim, João Cardoso, estás a cair no engodo que nem um patinho.


        • Claro que existe presunção de inocência. Mas também existe o meu direito a achar que quem passa a vida a mentir não merece qualquer credibilidade.
          E pior que isso: quem defende os interesses dos grandes branqueadores de capitais é um forte candidato a ter dado uma ajudinha.

          • Amadeu says:

            Tudo “provas” circunstanciais. Não provam nada.
            Pensa que pessoas ele mais tem atacado, deixa de lado as ideias. Quem é que mais beneficia por o calarem ?


          • As pessoas que ele tem atacado? não estou a ver o Arménio Carlos envolvido numa tramóia contra o Carreira

  8. Amadeu says:

    Teve ele sorte de não o acusarem de andar a papar meninos …


  9. Eu inclino-me para a perspectiva do João José Cardoso, se se provar que o homem está envolvido em fuga de capitais para offshores e para a Suiça. Há um problema de fuga aos impostos em Portugal, embora a maioria dos comentadores encartados tente desvalorizar isso. Não me apetece ir buscar o link agora, mas uma busca na internet permite encontrar notícias de estudos da Univ. do Porto que mostram que se a economia paralela em Portugal estivesse na média da OCDE, o défice caia para metade. Para quem anda a dizer o que Medina Carreira diz há muito tempo, não deixa de ser caricato.

  10. Zé Carioca says:

    “Medina Carreira andava a branquear acima das suas possibilidades”, quem lhe disse? Quando o contrário for provado, espero que faça um poste com igual destaque, ok?Finalmente…”Um homem acima de toda a suspeita.”, vê, não custou mesmo nada.

  11. Santiago Alves says:

    Porque não fomentar uma campanha para prender todos os Medinas Carreias deste país, por tentarem despertar as mentes deste zé povinho que tem na verdade tudo o que merece? Este homem eu o ouço há mais de dez anos, como um peregrino anunciando tudo que veio a acontecer! Quem se importou com isso?

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.