Droga, loucura e morte

A maioria dos portugueses está contrariada com o Governo mas sabe que, no essencial, ele está a fazer o que tem de fazer. Maurício Barra

Comments


  1. Pudera! Foi essa mesma maioria que votou no Governo… agora resta-lhes a contrariedade para combater a acidez dos sapos que têm de engolir!

  2. nightwishpt says:

    A maior parte dos eleitores, em qualquer lado, não faz a mínima ideia das pessoas em quem vota.

  3. fernando says:

    como um amigo meu costuma dizer:

    mauricio barra, fuma tabaco.

  4. maria celeste d'oliveira ramos says:

    Droga loucura e morte – já estão à nossa porta – quem diz que não sabemos em quem votamos é verdade – mas acreditamos no “rebéubéu” que muda no dia da tomada de posse – como se conhece quem é ignorante, apátrida e desonesto se não está escrito na TESTA ???
    Porque se foi embora Durão e Guterres embora por razões diferentes – Guterres não aguentou o que viu – Durão procurou “ainda melhor” (para ele) – e vêem-se agora ambos e o que eram
    Claro que esta maioria foi dada pelos IGUAIS que agora mamam e roubam o que resta – nada se aprendeu com o cavaquismo mesmo depois do desastre socrático mas porque votámos nele 2 mandatos – eu votei pois nunca votaria nem PSD nem CDS, nem no PC porque não mudam os seus “genomas políticos e humanos” como não muda o de cada pessoa – e até a UE de Delors não é a mesma – impera na europa a indecência – o imperialismo financeiro mas não estão a gozar muito essa viragem de neo-nazistas

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.