Artur Baptista da Silva e o género humano

Ao cuidado do excitadissímo Miguel Noronha, a ver se aprende a discernir entre género humano e Manuel Germano: este não é o vigarista, mas apenas um megalómano, que ainda por cima embarretou o Expresso, o sonho de qualquer português honesto.

Os verdadeiros vigaristas, a quem não dedicou hoje dezenas de postadas, e que mexem com os nossos* bolsos, são estes:

*nossos, os que pagamos impostos. Há quem fuja ao fisco…

Comments

  1. Jorge says:

    Grande Artur. Enganou o Expresso e sem custos para o contribuinte.

  2. Zecas Lopes says:

    Enganou o expresso e enganou aqui o Aventar que estavam todos a saltitar de alegria e pensar que afinal ser de esquerda até fazia sentido e era tecnicamente viável. Vão ter de viver na ilusão mais um pouco.


  3. Happy Christmas next year!

  4. Luís says:

    Este senhor é um amador comparado com os burlões Farsola&Relvas!

  5. Pedro Martins says:

    eheheh….a isto chama-se uma resposta de fuga para a frente! Típico…

  6. José António says:

    Nem mais João Cardoso. Não podia ter sido mais certeira a observação e a diferenciação estabelecidas, devidamente documentadas. Infelizmente e para mal dos portugueses, a matriz desta governação assentou desde o seu início na má fé, na mentira e na incompetência… e com a presidência ocupada por um cúmplice da quadrilha não vejo como sair disto pacificamente.

  7. L. Rodrigues says:

    A propósito deste senhor, lembrei-me que em “Catch me if you can”, o burlão protagonista passou o “exame da barra” para ser advogado…

    Pessoalmente desconfiei da credibilidade dele logo no primeiro video, que aquela coisa de chamar a Naomi Klein “Pai do capitalismo não sei quê”, era demasiado crassa. Por outro lado, se ele não tivesse dito tantas verdades, não teria enganado ninguém.

  8. Luiz Filipe de Noronha says:

    O Artur é um caso. O seu primeiro admirador foi o Dr. Prazeres Pais, então director do Estabelecimento Prisional de Lisboa. Força Dr. Batista da Silva, qualquer dia conselheiro deste estado de coisas…

Trackbacks


  1. […] que esta vítima do “especialista” da ONU terá ficado algo algo embaçada ao aperceber-se que foi engrupida. Para a próxima, será melhor verificar essas fontes. Uns […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.