Morrer na estrada #2

contra_portagens_janeiro2012
Percebem o que quero dizer quando afirmo que este Governo não consegue enfrentar a realização das Autárquicas? E ninguém está a falar do planeamento decorrente da reorganização do território das freguesias. Cavaco caiu na estrada nos anos “dourados” da década de 90 mas parece que o passado não dá lições ao PSD. Como de resto nada nem ninguém.

Comments


  1. Tirou-me as palavras do teclado…
    Estes tecnocratas parece que não têm mais nada que fazer do que passear pelas auto-estradas e ver onde podem colocar mais uma portagem, electrónica ou física.
    E, se for a Norte, tanto melhor!

  2. Konigvs says:

    Acho que a Sarah é demasiado sonhadora.
    Cavaco caiu na estrada mas passaram-se vinte anos!! Há vinte anos não havia sequer telemóveis – incrível não é?
    Por aqui a minha freguesia vai desaparecer, não vejo ninguém minimamente preocupado com isso, como também não vi ninguém preocupado no grande Porto quando o Sócrates (com a ajuda do Passos) meteu portagens só nas SCUT do Porto.
    Tudo vai decorrer normalmente com a extinção das freguesias, as pessoas têm mais do que fazer do que se estar a chatear com essa coisa da política, querem é ver o big brother, as novelas e saber as últimas da bola
    Os protesto contra as portagens nas ex-SCUT resumiu-se a uns tiros contra os pórticos no Algarve nada mais. As portagens aumentaram agora no início do ano, mais portagens virão, as freguesias irão acabar e tudo decorrerá na maior das tranquilidades. As pessoas já nem sabem quem é o político do curso comprado quanto mais!!
    Cavaco caiu na estrada mas foi há vinte anos – só havia dois canais de televisão lembram-se? Eram outros tempos não queiram comparar. Se o Passos fizesse há vinte anos o que está a fazer agora já tinha sido enforcado com o Portas no Terreiro do Paço. Eram outros tempos.

    • Maquiavel says:

      A mim parece-me que já haviam 4 canais aquando do Buzinäo & Porradaria da Ponte 25 de Abril…

    • Sarah Adamopoulos says:

      Tenho de ser demasiado ‘sonhadora’ para uma pessoa só, pois ‘sonho’ aquilo que demasiados não ‘sonham’. É na boa 🙂


  3. Felizmente sonhar (ainda) não paga imposto… E é apenas graças a esta fabulosa capacidade que raramente a espécie consegue alcançar algo de humano!

    De resto concordo com o Konigvs…
    Eu já tinha saudades de escutar a Populaça a berrar nas televisões a afirmar que “Não a mais portagens!”… Fez-me recordar os berros da altura em que refilavam por não haver identificadores via verde disponíveis… E eles queriam comprar e pagar!

    Escravos Formatados pelo SISTEMA MONETÁRIO não são capazes de muito mais!

    Só tenho pena deles pois desta vez já têm os identificadores… Vão-se limitar a pagar…

    😎

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.