Pasto para Demagogos

Passos ConejoA questão do corte ou avaliação de recursos nas pensões de sobrevivência tem sido matéria para os mais asquerosos e abusivos aproveitamentos políticos de reles quilate e baixa argumentação: o PS cala. O PSD cala. O CDS-PP vê-se aflito para explicar ao País do que se trata realmente. Os outros incendeiam-se no ódio e na leviandade com que Pedro grita «Lobo!» haja lobo, rato ou lagarto.

Qualquer ai ou ui proveniente do Governo da República parece não merecer, da parte dos mesmos à bica dos microfones, nem o benefício da dúvida nem a prudência do estudo prévio e nunca pode ser analisado friamente, antes de uma barragem de fogo de artifício arruaceiro. Primeiro chama-se-lhes ladrões. Depois arma-se uma cena qualquer de encher praças. Há Governo, pois ser contra há-de ser dar prioridade à mais abjecta demagogia, à mentira mais descarada e à distorção mais cega. Uma competição sem tréguas, cada qual com a sua mentira e a verdade talvez venha ou não no fim, onde só escombros poderão restar.

Duvido que se possa conceber um Governo assim tão obstinado, chato, e aparentemente perseguidor reincidente de uns em detrimento de outros, sem que o assistam razões mais altas e obrigações mais pesadas a que não possa de todo fugir. No entanto, todo o esclarecimento é bem-vindo. E vem tarde.

Comments

  1. Biuça says:

    … “dar prioridade à mais abjecta demagogia, à mentira mais descarada e à distorção mais cega.”
    É pá, isso é o que tu tentas fazer aqui no Aventar. Mal e porcamente, diga-se de passagem.

  2. JCSantosNoAventar???Porque? says:

    Porque é que o Aventar, que regra geral tem posts decentes, dá guarida a este traste que dá pelo nome de JCSantos?

  3. nightwishpt says:

    Então os contractos são para cumprir ou para rasgar? É que se é para rasgar, se calhar alguém lhe rasga o contracto com o estado.

  4. Fernanda says:

    Registo o governo -chato- e -aparentemente- perseguidor de uns em detrimento de outros sem razões mais altas….

    Isto é uma chatisse!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.