A falta de pessoal para urgências do 112

Exactamente: a falta de pessoal para urgências do 112. Esta falta de pessoal provoca a paragem das urgências do 112. Sim, porque ‘pára’ e ‘para’ não são bem a mesma coisa. Já terão lido, por aí, que  os “órgãos de comunicação social” têm contribuído, “numa base quotidiana e de forma progressiva e natural, para a familiarização da população com as novas regras ortográficas”. Pois, “a roda não pára“.

Os meus agradecimentos aos Tradutores Contra o Acordo Ortográfico.

CM

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.