Haja alguém que proteja a economia dos malefícios da saúde pública

Pires

“[…]poderão ser equacionados contributos adicionais do lado da receita, designadamente na indústria farmacêutica, ou de tributação sobre produtos que têm efeitos nocivos para a saúde” (Maria Luís Albuquerque – 15.04.14)

Não há taxa. É uma ficção, um fantasma que nunca foi discutido em Conselho de Ministros e cuja especulação só prejudica o funcionamento da economia” (Pires de Lima – 18.04.14)

No seio de um governo desorientando e incompetente, este tipo de contradição é cada vez mais frequente. Aconteceu recentemente com José Leite Martins, repreendido sucessivamente por vários membros do governo, aconteceu com Passos Coelho quando Portas lhe tirou o tapete da TSU ou quando se demitiu em protesto contra a nomeação de Maria Luís Albuquerque, hoje sua comparsa de tantas conferências de imprensa. Agora é Pires de Lima, que não só desmentiu as declarações feitas pela Ministra das Finanças na passada Terça-feira, como ainda ridicularizou a posição do Ministro da Saúde, que dias antes assumiu a medida como possibilidade no quadro de um conjunto de medidas orientadas para a resolução do problema de acumulação de dívidas dos hospitais públicos.

Convenhamos que, no caso de Pires de Lima, se trata de uma desautorização que, no contexto actual, faz sentido. Como o próprio afirma em cima, qualquer especulação à volta de uma medida desta natureza “só prejudica o funcionamento da economia”. Era o que mais faltava, informar o consumidor sobre os malefícios de determinados produtos para a sua saúde. Ele que se informe! Não vamos agora colocar em causa o lucro da Kellogg’s ou da PepsiCo por causa de algo tão insignificante como a saúde pública. Haja alguém que salve a economia destas esquerdices…

Comments

  1. Nightwish says:

    Ninguém se lembrou foi dos malefícios da cerveja e do que causa nos jovens.
    Santa paciência, o sal só faz mal a quem os rins não funcionam a 100% e o açucar também é relativo. Que tal deixarem-se de extremismos?

  2. José Peralta says:

    “Era o que mais faltava, informar o consumidor sobre os malefícios de determinados produtos para a sua saúde. Ele que se informe! Não vamos agora colocar em causa o lucro da Kellogg’s ou da PepsiCo por causa de algo tão insignificante como a saúde pública. Haja alguém que salve a economia destas esquerdices…”

    João Mendes

    Concordo com tudo o que escreveu, à excepção do parágrafo acima.(Tê-lo-ei, porventura, interpretado mal !).

    Mas, quanto a mim, não foi “a preocupação de informar o consumidor sobre os malefícios de determinados produtos para a sua saúde” que motivou essa incompetente pedra de gelo, a albuquerque mas, outrossim, a ânsia demencial de mais uma taxa, para sacar mais euros ao consumidor. Em suma, MAIS UM IMPOSTO !

    Porque, para esta escumalha, a saúde dos Portugueses, é algo desprezível, como se prova pelos cortes e taxas nos sistemas de Saúde, nas reformas já tão miseráveis de muitos idosos completamente desprotegidos, que têem que escolher entre a mísera refeição e o medicamento essencial à sua sobrevivência.

    E a “saúde” que dá ao seu crescimento, a fome por que estão a passar 120.000 crianças ?

    É claro, e nisso concordo consigo, que Pires de Lima SÓ está preocupado com a “economia”…a saúde dos Portugueses, que se lixe…

    Mas há um lado positivo nas declarações dele, que o João Mendes também refere : São os sinais de desagregação, de contradições, de desorientação e incompetência desta corja !

    Um “governo, uma maioria e um presidente cúmplice” a caírem de podres, às mãos dos quais, Portugal está a morrer todos os dias.


    • Concordo que o objectivo é o de aplicar mais um imposto. mas referia-me sobretudo à reacção do Pires de Lima sobre o panico que tal geraria no normal funcionamento da economia. Claro que no fim de contas it’s all about a new tax…


  3. Espero que quando vier a proibição total ao tabaco tenha a mesma opinião.

Trackbacks


  1. […] poder emendar a mão vai ter muito que esperar“. Um estratega este Pires de Lima, um homem de muitos talentos. Será que é desta que o Efromovich leva a TAP mais barata que […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.