Durão Barroso e 30 anos de política: reflectir

barroso

© euinside (http://bit.ly/1seimMg)

Segundo o Expresso, Durão Barroso terá declarado o seguinte: “Eu acho que neste momento, por várias razões – algumas até pessoais -, é importante respirar, ter uma pausa, pensar, *refletir”. Não é verdade. Lamento imenso. Já aqui no Aventar tive a oportunidade de chamar a atenção para o correctíssimo e exactíssimo reflectir da entrevista de Durão Barroso. Reflectir. Efectivamente. Reflectir.

 

Comments

  1. el portela says:

    “Nem mais um soldado para as colónias”! Eis a sua primordial reflexão .Mas porque os valores são contraditórios,não tardou a ser o cherne no cavaquistão’sea.

    • coelhopereira says:

      “Nem mais um soldado para as colónias!” foi um grito que só mostrou as capacidades de autêntica pitonisa do nosso querido Zé Manel. Ele, a uma distância de 30 anos, já havia percebido que era necessário poupar na “carne para canhão” do serôdio belicismo colonial , pois ela seria, no futuro, extremamente necessária para as aventuras neocoloniais, mas muito “humanitárias”, no Afeganistão e no Iraque. Um génio, um autêntico Zandinga da adivinhação política das voltas e reviravoltas deste nossso planeta é o que é este português de excelência.

Trackbacks


  1. […] foi correcta. Não, não foi *correta. Foi correcta. Com cê. Exactamente: correcta. Contudo, conhecendo os hábitos da casa, daqui a alguns meses, a citação sairá deturpada, ou seja, sairá *correta. Sim, claro, no […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.