Ao cuidado da direita indignada com o despesismo


sm

que vocifera, com toda a razão, contra os salários obscenos que se pagam na função pública, seja a um António Domingues ou a um perigoso sindicalista, desses que só sindicalizam e não querem trabalhar, e que ainda por cima são comunistas, os nababos! Peço um minuto da vossa atenção e indignação para que atentem neste dispositivo contabilístico, gentilmente disponibilizado pela Geringonça, que nos permite assistir em directo ao acumular de euros por parte do antigo secretário de Estado privatizador de Passos Coelho, que o próprio Passos Coelho escolheu para vender o Novo Banco, e que em 14 meses já nos levou qualquer coisa como 365 mil euros, sem que ninguém tenha ainda percebido para quê, dada a inexistência de resultados que justifiquem os cerca de 25 mil euros por mês que aufere.

Como sei que a vossa indignação é honesta e genuína, e aqui alargo o convite a todos os paladinos anti-despesismo da nossa cândida direita, estejam eles no comentário político televisivo, nas colunas de opinião anti-esquerda, na blogosfera liberal/conservadora ou nos grupos de ódio laranja nas redes sociais, ficarei a aguardar, com expectativa, pelos vossos contributos indignados. E caso para dizer: e o Sérgio Monteiro, pá?

Foto: Diana Quintela/Global Imagens@DN

Comments

  1. JgMenos says:

    Tenha-se sempre em conta que a comunada sempre aplica o princípio da unicidade: juntam-se pelo menos 3 para fazer o trabalho de 1.

    • Tanto paleio para dizer que é favorável ao salário obsceno do petiz passista? Já o vi mais frontal, JgMenos!

      • Rui Naldinho says:

        “JgMenos quer ser mais. Quer ser humorista. Mas efectivamente não chega aos calcanhares de Eça. Ou das Produções Fctícias. Ou de Ricardo Araújo Pereira. Ou chega ?
        Talvez porque na ânsia de renovar o «alfa e o ómega», se ficou pelo gama. A não ser que se trate dum erro tipográfico e tivesse querido escrever cama, dama, fama, lama, rama … Infeliz e corriqueiramente «o alfa e o ómega» significam apenas «o princípio e o fim»
        Ou JgMenos significa «J gama Menos»? Não sei nem interessa para o caso.
        JgMenos parece indubitavelmente daqueles jogadores de cartas das histórias do Lucky Luke, peritos em viciar o jogo e pretenderem ficar com o trunfo. A baralhar, JgMenos é um ás – de copas/copos, de ouros ou de espadas quando não de paus ? Ou será o Joker ?.
        JgMenos é um duro especialista em disparar contra os piegas e lamechas. Em misturar alhos com bugalhos. Será também especialista em rir-se quando se vê ao espelho ? E desde já não qualifico o riso de JgMenos ao espelho. Melhor do que eu poderá JgMenos qualificar o seu riso. Usando as combinações das 24 letras do alfabeto português. Como quem faz construções com a Meccano ou os Leggo. Para não recuar até às das Construções Majora
        Mas deixando o bláblá de lado, JgMenos limita-se a lançar umas palavras para o monitor e arruma com alto nível a conversa.
        Recuando tanto na sua pósmodernização que acaba na Roma Imperial. Ou no Gabinete da Maga Patológica. Ou na floresta do druída da aldeia de Obelix. Ou avança para partidas num salão de poker «down the Mississipi». Ou jogadas na lotaria da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.
        Decididamente o arsenal de JgMenos parece limitado. Talvez por ter perdido o Ómega e não saber que horas são. Em que tempo está.
        Contra “…a classe detentora dos meios de produção e de inConsciencialização Social.” ofusca-me com o brilho da sua argumentação.
        «Destino»,«Vontade dos Deuses». «Sorte» e «Azar» «– tudo coisa pouco científica e que ficava mal em qualquer salão ilustrado». JgMenos sabe o que se discute nos salões ilustrados. Eu fiquei a saber. O que agradeço.
        Tal como Lucky Luke, mas noutra dimensão, JgMenos saca mais rápido que a inConsciência Social. E, qual Almada no Manifesto Anti-Dantas que se não confunde com o do Partido Comunista de Marx e Engels, qual Almada parafraseado, JgMenos manifesta-se com um sonoro e terminal «Morra o marxismo, morra! Pim!» Ou em linguagem renovada «Morra o Dantas, morra! PimPamPum!»
        E ao «determinismo» marxista, post modernisticamente, opõe o «determinismo» realista, não utópico JgMenosianos anti-dantesco, decretando «o que desde sempre sabe que nunca virá a acontecer. Uma muito velha história em modelo pós-moderno!»
        Entre o realismo pragmático, cinzento, determinista, rasteiro, unidimensional de JgMenos ou o «Once upon a Time …» eu prefiro Mais. Prefiro a Pedra Filosofal de António Gedeão (Rómulo de Carvalho)
        Sem acrimóna, JgMenos. Gostei à brava de lê-lo. Bué, mesmo!”

        Victor Nogueira

      • José Peralta says:

        Pelo contrário, a direitalha de que o jgmenos é um acrisolado admirador, é a mesma que paga por mês, ordenados a UM fascistóide, que davam para pagar a dez trabalhadores durante um ano…

    • ZE LOPES says:

      V. Exa. veio para aqui armado em peão de brega e acabou crivado de bandarilhas! Olé!

  2. Manuel Silva says:

    João Mendes:
    Este JGMenos, que também assina como José nos comentários do blogue Ladrões de Bicicletas (LdB) , para onde o Passos Coelho o destacou com uma avença vitalícia para vigiar aquela malta das esquerdas mais ou menos radicais, foi emigrante em França, onde era simpatizante (ou militante) da Front National.
    No LdB está sempre a desconversar, sempre contra tudo e contra todos.
    Não lhe dê demasiada importância.
    É um pobre, um triste, um coitado
    Como vive da reforma do Estado Social, que está sempre a desfazer nos discursos, pode dar-se ao luxo de passar o tempo nas redes sociais a dizer mal do mesmo Estado Social que o alimenta (e a defender sempre os poderosos).
    Pudera,é para isso que o Passos lhe paga o suplemento da pensão.

  3. Paulo Marques says:

    O Monteiro é apenas um, pior são os milhões deitados foram em sanguessugas (consultores) – os verdadeiros subsidio-dependentes.

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s