Terá João Lourenço encontrado o livro de Gene Sharp?


Fotografia: Manuel de Almeida/Lusa

Os dias passam e a sensação que fica é que algo está mesmo a mudar em Angola. Talvez esteja a ser ingénuo, a tentar ver revoluções onde o que realmente se passa é uma simples transição de poder, com generais a substituir generais, oligarcas a substituir oligarcas e tudo a ficar mais ou menos na mesma.

Mas o que chega cá, e ainda é alguma coisa, e que não passa uma semana, desde que foi eleito, em que não cai um bastião do velho regime, um amigo de um pedestal, um negócio lucrativo. Quem é este João Lourenço, de quem nunca se ouvia falar, que tomou o MPLA de assalto e deu início a uma limpeza no aparelho do poder, com implicações negativas nas castas que governam Angola?

Sinceramente, pouco mais sei sobre João Lourenço que o facto de ser militar, militante de longa data do MPLA, onde desempenhou as mais variadas funções, e ministro da Defesa do anterior governo. Mais recentemente, venho a descobrir que o agora presidente angolano decidiu fechar a central de negócios Dos Santos, substituindo gente poderosa em cargos de poder, como os próprios filhos de Zedu.

Esta semana foi a vez de Isabel. Again. A filha-maravilha do eterno ditador tentou alterar a administração da Esperanza, empresa através da qual detém uma participação na Amorim Energia em parceria com a Sonangol, de onde foi removida por ordem de João Lourenço. A mesma Sonangol que chumbou o plano de Isabel dos Santos, algo que não seria necessário recuar muitos anos para ser pura e simplesmente impossível.

Não sei no que isto vai dar, tenho as minhas dúvidas sobre se algo mudará que tenha verdadeiro impacto na vida dos angolanos, mas devo confessar que estou maravilhado com o que se está a passar. Podia ser melhor, claro está, mas ver a corte de Eduardo dos Santos ser espatifada pelo seu sucessor não tem preço. Mas isso sou eu, que tenho um fetiche por ver tipos com historial de impunidade a ajustar contas com o karma. Terá João Lourenço encontrado o livro de Gene Sharp?

Comments

  1. Ana A. says:

    Entretanto noticiam que:

    “José Eduardo dos Santos quer MPLA a liderar combate à corrupção em Angola
    O líder do MPLA defende que o partido deve estar na linha da frente do combate à corrupção e ao nepotismo no país. José Eduardo dos Santos quer o MPLA a liderar uma “sociedade mais justa”.

    Será que a seguir vem a guerra de clãs!

  2. carlota says:

    Terá João Lourenço encontrado o livro de Gene Sharp?
    Não. Encontrou o livro: Filosofia Política de Libertação para Angola. Domingos da Cruz.;)

  3. A.Silva says:

    Um post em que os tradicionais preconceitos (neocolonialismo imberbe???) em relação a Angola, se mistura com a ignorância… “Quem é este João Lourenço, de quem nunca se ouvia falar…”

    Assim se vê que para lá do preconceito o autor do post pouco mais conhece de Angola… e lhe interessa.

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s