O BENFICA não é!

O Benfica somos.
Parabéns a todos nós, Vermelhos e Aventadores.
28-2-1904

Como resgatar os parabéns

Todos os dias as pessoas têm de dar os parabéns a alguém no facebook.

A solução do Jorge Daniel.

Eu e o Aventar

Só hoje escrevo acerca do aniversário do Aventar por duas razões: primeiro, porque estive ausente durante uns dias e só hoje regressei a esta casa; depois, porque é tradição nesta casa dar-se os parabéns ou antes ou depois da data devida (isto é uma piada interna, ou como dizem alguns em bom português, uma “private joke”).

Entrei nesta casa a convite do Fernando Moreira de Sá, em Dezembro de 2009, e e fui recebido como amigo de longa data pelos demais. Não conheço todos os Aventadores pessoalmente – e  tenho pena – mas estou certo que um dia – ao ritmo a que este blogue tem crescido – seremos capazes de fazer uma espécie de assembleia geral e reunir toda a gente. Seria excelente.

Tenho orgulho em pertencer a esta equipa, e habitar – partilhando – esta casa. O Aventar é um projecto fantasticamente absorvente, – viciante, até – e que tem atraído cada vez mais gente à sua leitura. E, como dizia Ary dos Santos: “Cada vez seremos mais!” (poema “Tomar Partido”).

Parabéns a todos: aos Aventadores e aos leitores.

Parabéns a mim

Hoje de manhã, quando olhei de relance para o espelho com o ar fugidio de quem evita prender o olhar para não encontrar mais uma ruga, ele falou comigo e exigiu-me atenção. Eu sei que é um lugar comum de quem ficciona pôr o espelho a falar. Mas, comigo, é também lugar comum o espelho pôr-se a atirar sentenças.

– Então hoje estás de parabéns.

– Eu? Porquê?

– Por causa do Aventar, porque é que havia de ser?

– Quem está de parabéns é o Aventar.

– Não sejas vaidoso, pá. Tu é que estás de parabéns. Foste convidado, aceitaste o convite, fazes parte daquela equipa, és um aventador, fizeste amigos que não conhecias, partilhas um espaço de liberdade, deixam-te escrever, estás de parabéns, deixa-te de caganças.

– Queres dizer modéstias.

-Caganças. Deixa-te de caganças. O Aventar é que é bom. Tu, quando muito, estás de parabéns por lá estares.

Pela primeira vez, desde há uns tempos, olhei para o meu espelho com simpatia. Não reproduz com a beleza necessária a minha sedutora imagem. Mas não é burro de todo e até tem dias em que acorda bem disposto.