Gente perigosa

Bijan Ebrahimi, um inglês de origem iraniana, de 44 anos, com uma invalidez física que o impedia de trabalhar, dedicava boa parte do seu tempo à jardinagem. As suas floreiras estavam constantemente a ser vandalizadas e Ebrahimi queixou-se várias vezes à polícia, sem resultado. Decidiu então tirar fotografias aos miúdos que o faziam, tantas quantas lhes pareceram necessárias para poder apresentar a sua queixa. Mas alguém o viu e avisou as autoridades de que havia um homem, um inválido que passava o tempo todo em casa e no jardim, a tirar fotografias às crianças do bairro. A polícia levou-o para ser interrogado. À saída, alguns dos moradores do bairro gritaram-lhe “Paedo, paedo”, abreviatura de pedófilo. Na esquadra, depois de vistas as fotos e de um longo interrogatório, Ebrahimi ficou livre de suspeitas e foi mandado para casa. Mas por essa altura já circulavam os rumores de que um abusador de crianças tinha sido apanhado pelo polícia. E os moradores não gostaram de vê-lo solto ao final do dia. [Read more…]

Não estão fartos de ver condenados por pedofilia com tempo de antena?

Eu estou!
Ainda vão inventar um reality show em que se vai ver quem é o pedófilo mais popular! Uma vergonha!

Vindo de pedófilos, é um elogio

Jornal do Vaticano diz que José Saramago é populista e extremista.

Bruna : até os pedófilos dão aulas…

Bruna, na sua primeira reacção pública após ter sido afastada do convívio com os alunos, afirma: ” Algo vai acontecer”! deixando antever um processo em tribunal contra a Autarquia mirandelense. E continua, admitindo que vai concorrer às Actividades Extracurriculares (AEC): ” Claro que sim. Só tirei fotos, não cometi crime nenhum. Até os pedófilos continuam a dar aulas. Posso concorrer a todas as escolas incluindo Mirandela”!

Nada que não tivessemos já dito aqui no Aventar!

Confirma que a revista Playboy lhe tem telefonado e dado um grande apoio, mantendo-se disponível para a ajudar no que for necessário.

Agora é que estamos a sair dos preliminares e a aquecer…

Padres, homossexuais e pedófilos

Quando a mais anti-científica das instituições, a Igreja Católica Apostotólica Romana (ICAR) invoca a ciência puxo logo da gargalhada.

O número dois da hierarquia da ICAR inventou um estudo segundo o qual a maioria dos pedófilos seria homossexual.  Da parte dos inventores de deus toda a imaginação é possível, tal como do lado dos que supostamente abdicam de viver a sua sexualidade todas as aberrações são expectáveis.

Como pode a ICAR criticar a homossexualidade, ela que começa por separar os menores à sua guarda em instituições diferentes conforme o sexo do petiz?

Aguardo agora um estudo científico sobre a incidência do abuso sexual de menores entre os padres homossexuais e as crianças confiadas à sua guarda. E já agora lembrem-se dos colégios de freiras, esses santuários de Safo que andam tão esquecidos.