E se o Benfica não for pentacampeão?

Confesso: tenho muito medo de que o Futebol Clube do Porto seja campeão nacional. Esse medo não nasce do meu já lendário benfiquismo, sendo antes resultado da minha profunda amizade por alguns portistas.

Na verdade, alguns dos meus amigos adeptos do extraordinário clube que é o Futebol Clube do Porto cultivam uma fé cega (o que é, talvez, uma redundância) na certeza de que os sucessos do Benfica assentam exclusivamente na corrupção, num domínio absoluto da arbitragem, através de uma multiplicidade de meios e de uma rede tentacular – mesmo octópode. Esses meus amigos têm, desde o início do campeonato, a certeza absoluta de que o Benfica será campeão nacional, ao contrário de mim, que acredito sempre que, enquanto for matematicamente possível, está-se sempre a tempo de não ficar em primeiro lugar. Isto quer dizer que, apesar da minha natureza essencialmente corrupta, tenho pouca fé na corrupção e chego, até, a duvidar de Jonas. [Read more…]

Stream em directo do Feirense vs Rio Ave no Youtube

Aqui no Youtube. Estranho dadas as regras do Youtube para a partilha de vídeos de futebol. Ainda para mais com as odds a serem actualizadas em tempo real no directo. Confirma-se.

Manipulação de resultados? Evidentemente

Uma aposta vinda da China no valor de 100 mil euros no jogo Feirense vs Rio Ave (hoje às 21h) suspendeu as apostas nesse jogo em 3 das casas legalmente acreditadas para operar no mercado português das apostas desportivas.

Conhecendo minimamente o louco mercado das apostas desportivas asiáticas, a informação fez-me recuar a alguns acontecimentos do passado e executar uma pequena reflexão em estilo de memorando que pode auxiliar os leitores a compreender a situação em causa e a formular uma opinião:

O primeiro – Recuo até 2012\2013 quando a poucas jornadas do final do campeonato recebi uma informação por parte de um amigo que trabalhava como “relatador” de jogos para uma entidade supostamente ligada a uma casa de apostas, que ia de encontro à possível manipulação de um jogo entre o Beira-Mar e o Nacional, partida que haveria de terminar empatada a duas bolas com claro prejuízo de arbitragem para o Beira-Mar. Nessa altura, esse meu amigo falou que numa das casas de apostas que operava em Portugal, tinham sido registadas apostas no valor total de 3 milhões de euros, vindas precisamente de países asiáticos, mais concretamente da Malásia, nas horas que antecederam ao jogo, o que levou na altura as operadoras a suspender as apostas a 1 hora do início do jogo. Estamos a falar de um valor em média 10 vezes superior ao que é registado semanalmente para um jogo dessa estirpe.
[Read more…]

Jesus é todo-poderoso

Quero dar os parabéns ao Jorge Jesus, que conseguiu jogar em três campos. 

A lição de Leonardo Jardim

Não vale a pena estar a falar dos prejuízos e benefícios. As equipas que são beneficiadas não falam quando o são e só falam quando não são. É uma hipocrisia e não entro nesse campo.

Leonardo Jardim

arbitroSe fosse possível que os bodes expiatórios, sempre metafóricos, se materializassem, teríamos uma fonte abundante de exportação. Já imagino os estrangeiros fascinados com o sabor e a textura do bode expiatório português.

Infelizmente, o bode expiatório não é comestível e não será por aí que equilibraremos a balança comercial. Por outro lado, continua a ser o alimento de muitos portugueses, nomeadamente os agentes e/ou os adeptos do futebol, sempre prontos a atribuir qualquer revés à intervenção maldosa de outros.

O bode expiatório coincide quase invariavelmente com o árbitro, responsável por simples derrotas e perdas de taças e de campeonatos. É natural que assim seja, porque, de qualquer modo, o árbitro é confundido, frequentemente, com vários quadrúpedes herbívoros, com menções nada pontuais a chifres ou alusões indirectas à promiscuidade sexual da figura materna, o que nos leva de volta aos chifres, com a figura do bode ainda e sempre à espreita.

Leonardo Jardim recusou-se, ontem, a contribuir para a criação nacional de bodes expiatórios e deu uma lição que poucos querem aprender.

De Joelhos pelo Paços

Passos de FerreiraE no rescaldo da derrota, já há mãos postas, preces, promessas e joelhos no chão à espera do Paços.

Molho Kelvin e o Holligan Mexia

O Futebol joga-se até ao último segundo, conforme demonstrou ontem o puto Kelvin com aquele rasgo dos excepcionais. Depois há pançudos, como António Mexia, com direito a clube e a defender cores, mas sem direito a rebaixamento dos adversários pelo argumento económico e motivacional da escala. Entre outras aselhices extraterrestres, esse holliganismo foi de mais. Se a escala do Sport Lisboa e Benfica, em Portugal e no Mundo, inspira respeito, não é ela que ganha títulos ou milagreará o nosso PIB. Jamais será.

Apesar de felicíssimo com o meu FC Porto, não deixo de sentir uma enorme compaixão pelo treinador Jorge Jesus, não pena, mas compaixão: é ele, não vejo mais ninguém, que tem feito do Sport Lisboa e Benfica gente na Europa, capital delicado e fácil de deitar a perder se o Orelhas Loucas não fizer Orelhas Moucas aos que mudam de opinião consoante os resultados.

Vitória do Nacional na Luz

O Benfica marcou mais golos, mas o Nacional cumpriu o seu principal objectivo.