A glorificação do passado entre a direita portuguesa

beber vinho

Mário Soares disse o óbvio: Eusébio foi mais um analfabeto num país de analfabetos e bebia uns copos onde Salazar ordenara que se bebesse vinho para dar de comer a um milhão de portuguesas. Nada que o desonre ou lhe apague os golos e as fintas, lhe ofusque a excepcional inteligência que demonstrava onde sabia, no campo; assim viveu, foi um homem do seu tempo.

A direita berra, histérica. Mentir, e aquela hipocrisia avulsa de fazer dos mortos uns heróis como nos romances,  está-lhe na alma. Esquecer a verdade desse tempo, também. Isso e o ódio a Mário Soares que, suprema ironia, acaba os seus dias como o último símbolo de Abril que obcecadamente querem enxofrar, ele que foi muito mais de Novembro. O mundo é um lugar estranho, onde se dão muitas voltas mas a direita é sempre a mesma.

Comments

  1. nightwishpt says:

    O benfiquismo e a direita portuguesa, têm uma coisa em comum, têm por hábito deixar quase toda a gente que afectam acéfalas.
    Ainda há muitos que se safam, mas não se sabe como.


  2. De Soares nem se dirá que era boa pessoa nem que uniu os portugueses.
    Fez a vidinha dele e saiu-se bem, e se ora agradou a uns ora a outros, sempre o fez ao serviço do seu grande ego e servindo-se da sua grande sem vergonha.

    • nightwishpt says:

      Desde quando é que o Eusébio uniu os portugueses?
      Quanto ao Soares, quem dera ao Passos chegar-lhe aos calcanhares. Ou nem por isso, que o que lhe interessa é manter a gatunagem.

      • artur mendes says:

        Por falar em gatunagem:- Leu o Livro de Rui Mateus?


        • Adivinhe lá onde tal livro está online…


        • Acho um piadão à direita.
          Os dois grandes criminosos da esquerda são para essa gangada:
          1- Mário Soares. Razão–> um suborno de alemães a malta de macau para ganhar uma obra… que perderam. Depois escrevram faxs a tudo o que mexe. Além disto nada ter a ver com o Mário Soares, nem sequer tinha a ver com o melancia que entregou a obra a outra empresa. Foi coisa do rui mateus e outros, que faturaram bem. O Rui mateus, depois de condenado e abandonado pelo mário soares eventualmente por ter visto que ele se “encheu” escreve um livro a dizer cobras e lagartos do mário soares. Ora um livro escrito por um rancoroso, com zero provas do que diz, vale NADA.

          2- Sócrates. Razão–> O suborno do freeport no valor de 500 mil euros, entregue ao charles smith para aprovar o freeport. O socras chumbou a obra (para mim seria sinal que não tinha sido subornado) os ingleses chamaram o smith e filmaram o tipo a dizer que tinha entregue o dinheiro ao socras. Basicamente o único facto que envolve o socras é o smith em vídeo a assegurara que deu o pilim ao socras. Ora, acham que o smith ia dizer aos ingleses “recebi o dinheirinho dizendo que era para o socras, fiquei com ele, o socras chumbou a obra e eu conto-vos tudo para vocês me poderem mandar matar”.

          Resumindo: Soares e socras dois criminosos, subornados por verbas ridículas para aprovar coisas que chumbaram. Recuso-me a achar que em particular o socras seja tão limpinho que a direita só conseguiu esta lama sobre ele.

          Compare-se com o BPN do gang cavaco (7.000.000.000) submarinos e etc sacados pela direita. Isso sim é roubar com competência.

          • lidia sousa says:

            Assim sim, uma belissima exposição. A mãe do Sócrates andou anos a ser esmagada pelos canalhas do Correio da manhã apenas por ser uma mãe. Mesmo que um filho cometa um crime a mãe não tem culpa disso. 1º recebia uma pensão de 2oo Euros e era criada de servir em Cascais, Depois já recebia uma reforma de 3.000 Euros por vigarice. Depois roubou a herança à neta, quendo a neta só poderá receber quando a Senhora morrer. Agora um amigo do filho comprou as propriedades que ela herdou por todo o País por ser a herdeira das Minas de Volfrâmeo de Trás os Montes, mas é um crime um homem conhecido do filho comprar a casa da mãe.
            Os investigadores do Correio da manhã Azenha e Trigueirão
            quando este romance acabar serão despedidos pelos donos da Cofina o Paulo Fernandes e os Angolanos, pois não sabem fazer mais nada.

          • nightwishpt says:

            Ponha lá isso em BPNs e em submarinos que é para se fazer uma comparação mais apropriada.

        • lidia sousa says:

          Ler um livro de um vigarista ressabiado porquê? Enquanto Mateus poude roubar, embora debaixo da protecção dos outros estava tudo muito bem. Quando secou a fonte vem denunciar os outros sem elementos suficiente para a justiça actuar. Afinal o que é feito dessa avis rara?

  3. Alexandre Carvalho da Silveira says:

    Escrever isto para justificar a sujeira que o Soares disse, é bem elucidativo. E a direita é que é sempre a mesma.
    O Eusébio bebia whisky, porque o Salazar dizia que beber vinho é dar o pão a um milhão de portugueses? Tá bem…


    • É mentira, o alcoolismo do Eusébio?

      • Alexandre Carvalho da Silveira says:

        Bebesse o Eusébio Barca Velha como o Soares, e talvez os comentários fossem mais brandos. Mas o que está aqui em causa é o medo que Soares tem de que quando chegar a “hora dele” os portugueses não liguem pevide ao funeral dele.
        Também gostei do comentário do naif pin; então o pin não sabe como é que foi comprada a melhor colecção de arte moderna privada que existe em Portugal ? O Carlucci sabe muito bem; dez milhões de dólares dão para muita tela…

      • lidia sousa says:

        JJC isso não é para aqui chamado. Se ele bebia e pagava ou lhe pagavam é assunto privado. Eusébio tem família, mulher filhos e netos. Que me interessa que o Eusébio tenha sido alccolico. Que ele foi um grande mulherengo lá isso foi, mas como diz a minha mãe vale mais ser um mulherengo do que gostar de homens. porque há poucos homens para tantas mulheres e ainda pior cima temos a concorreência dos homens que gostam de homens. Isto é que diz a minha mãezinha por ser d´antanho, mas para mim tudo bem, desde que arranje um: alto. loiro de olhos verdes e Engenheiro hidráulico. dou-me por satisfeita. Alvissaras a quem me arranjar um assim, mas não pode beber porque detesto o cheiro de alccol e tabaco.

        • nightwishpt says:

          “mas como diz a minha mãe vale mais ser um mulherengo do que gostar de homens”
          Se a sua mãe é preconceituosa é problema dela, não sei o que tem isso a ver.
          A menos que também ache que homem que é homem também bate na mulher quando o benfica perde, se for o caso faça favor e ponha-se a jeito.

  4. Knome says:

    “A direita berra, histérica. Mentir, e aquela hipocrisia avulsa de fazer dos mortos uns heróis como nos romances…”, faz-me lembrar os “assassino” Ché, os Kim, os Lenines e os Estalines desta vida e, mais recentemente, o “passarito” “Chavez” e o espantalho Maduro, heróis romanceados pela perigosa direita.


    • O Chavez e o Maduro ganham eleições. O Salazar foi uma vez eleito e não meteu os pés no parlamento.
      De qualquer forma, meta a k7 dos “assassinos” que lhe dão jeito onde muito bem lhe apeteça, aqui não; que diacho, não arranjam um argumento e insistem sempre no mesmo discurso idiota. Mania de fazer dos outros parvos.

    • lidia sousa says:

      Knome, refere-se ao Maduro Venezuelano ou ao Académico Maduro Português que junto com o Lomba, o Marques Guedes e o piqueno Moreira da Silva substituiram o Relvas. Pode ver no Youtube o Cantinlas discursando em su excelência e verá o MADURO PORTUGUES, baixote, feiote, barba mal semeada cabelo desgranhadapara lhe dar um ar blasé de Académico Florentino, pensando que regressava à Pátria em ombros. Entradas de leão saídas de sendeiro.

    • nightwishpt says:

      Vá lá fazer as contas às mortes causadas pelos prémios nobel da paz democráticos e depois diga qualquer coisa.

  5. Knome says:

    A mania de fazer dos outros parvos não é minha de certeza…e K7s de “assassinos” e “heróis” de “jeito” ou a “jeito”, a esquerda tem muito para dizer. Quanto a hipócritas, estamos conversados.

  6. Knome says:

    É aquela hipocrisia avulsa de fazer dos mortos uns heróis como nos romances…

  7. Manuel Soares says:

    JJC tinhas que ser tu a emporcalhar o nome do Eusébio ?

  8. Hugo says:

    É inegável que o Eusébio levou bem alto o nome de Portugal e do Benfica no mundo, mas daí até fazer dele um santo vai um longo caminho. Como sportinguista nunca o vi como um símbolo nacional, porque ele nunca soube despir completamente a camisola do Benfica e congregar simpatias generalizadas. Lembro-me de ter lido entrevistas dele a dizer que não gostava do Sporting porque era um clube de racistas. Daí que um dos melhores comentários que li em relação ao seu falecimento foi o colocado num blogue sportinguista que dizia qualquer coisa como: “apesar de nem sempre ter tratado o Sporting com o respeito que merecia, foi um atleta exepcional que dignificou Portugal” ou qualquer coisa do género. Elogia o homem, sem passar um esfregão sobre os seus comportamentos menos correctos. Entendo que o Mário Soares tenha um sentimento semelhante em relação ao Eusébio ou porque tivesse sido um símbolo do Estado Novo ou porque representasse uma classe profissional genericamente com pouca cultura. Mas referir assim como quem não quer a coisa que o Eusébio era alcoólico (leia-se um bêbedo) foi um golpe baixo e perfeitamente dispensável.

  9. artur mendes says:

    Mário Soares e a Pinga

    Eis alguns intelectuais — claro, memores do que tu — que padeceram e morreram de alcoolismo:
    Sttefen King / Jack London / Nelson Rodrigues / Raymond Chandler/ Francis Scott Fitzerald / Alexandre Dumas / Mário Quintana/ Edgar Allan Poe / William Faulkner, etc

    Até o nosso Fernando Pessoa, sofria de colite hepática!

    Cuidado Marocas… não abuses do Barca Velha!

  10. José Maia / Porto says:

    Pode simplesmente dizer se concorda ou não com as afirmações de Soares?
    Aproveitar as infelizes declarações do ex-presidente para atacar a direita é de uma falta de imaginação confrangedora.
    Mas pior ainda é misturar alhos com bugalhos, salazar e o diabo a quatro… acorde, homem.


  11. Uma pessoa que desconheça a polica ao ler isto até pensa que a esquerda é a salvação da humanidade.
    De facto da esquerda é o que nos mais precisamos, acelerar a queda do pais 300% e assim já não precisando pedir desculpa ao nossos netos por os deixar endividados até aos dentes, afinal se já não houver pais já não há esse problema.
    Vamos fazer como a esquerda sempre quis, mais uma TGV e uma auto-estrada Porto-Lisboa! Viva esta democracia e o dinheiro emprestado da Europa!

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.