O mundo está perigoso!

O ex-primeiro ministro José Sócrates disse numa entrevista que não assumiria a liderança do governo se não ganhasse eleições. Também disse, na mesma entrevista e a propósito de outro assunto, que pela primeira vez estava de acordo com Ana Gomes.

Comments


  1. Sócrates não passa de um incendiário que tem a rara particularidade de viver à custa de um “amigo” tentando fazer de nós e da Justiça uma cambada de parolos. Como ele gostava de ser como o António Costa mas falta-lhe uma cultura de princípios e valores que nunca seguiu atropelando todos os principios. A sua faceta de jogador começa a vir ao de cima demonstrando no mínimo uma falta de respeito pelos portugueses que ele com a sua fuga do Governo, colocou nas mãos dos PaFianos com as dramáticas consequências que todos sentimos na pele.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.