O mal


image

Dortmund. Novos nazis manifestaram-se há dias, fazendo uso da liberdade que querem cercear.

Deve a liberdade permitir as raízes do mal? Eu acho que não. É um equilíbrio delicado definir onde começa a proibição. Mas estas acções dos novos nazis não estão nesse limbo.

Outra coisa que se deve frisar é que estamos perante actos da extrema-direita. Ora, quando a direita portuguesa fala de uma suposta extrema-esquerda, referindo-se ao PCP e ao BE, deve sublinhar-se que não há extremo algum que se possa usar como sendo igual à extrema-direita, mas do lado oposto. Esta manobra da direita, tão repetida em blogues, comunicação social e até usada por políticos da direita, é um golpe nojento de demagogia. Uma estratégia, essa sim, digna da extrema-direita.

Comments

  1. Carvalho says:

    Não há “novos nazis”.
    Os nazis são todos velhos.
    Muito velhos.
    Podres de tão velhos.
    Fedorentos de tão podres.

  2. Rui Silva says:

    A estrema-esquerda é mesmo tão má como a extrema direita. Nisso não há nenhuma dúvida.
    Mas o que aqui não concordo é dizer que o Nazismo é estrema direita. O Nazismo tem origem precisamente na extrema esquerda. O próprio partido Nazi era um partido socialista. A diferença principal é que, ao contrario do marxismo não defendia o internacionalismo mas o nacionalismo.
    O próprio Hitler era um admirador de Marx.
    Para terminar e se a malvadez se pudesse contar por numero de mortes, a estrema esquerda ganha com grande destaque.

    Rui Silva

    • sweetadriana says:

      Será que leu( ler, leu!) e percebeu o texto? Alguém defendeu alguma extrema, seja direita ou esquerda? Leia, assimile e descodifique…
      Agora, diga lá: crítica-se o quê?
      Irra!

    • Nascimento says:

      Jorge Semprun explicou numa ultima entrevista a uma rádio portuguesa as diferenças. Mas,não existe cura para estupidez.Básico.Este Ruizinho é tão básico.Vai lá ler o cm,mas não “abuses”da literatura que te dá ainda algum enfarte e nós precisamos de tipos como tu(inteligentíssimos,eruditos),aqui no tasco!Topas?

    • anónimo says:

      O porco atira a porcaria ao ar, emporcalha todos, para fazer os inocentes iguais aos criminosos.

    • Manuelinho says:

      A estrema-estupidez é mesmo tão má como a extrema direita. Nisso não há nenhuma dúvida.
      Mas o que aqui não concordo é dizer que o Nazismo é estrema direita. O Nazismo tem origem precisamente na extrema estupidez. O próprio partido Nazi era um partido estúpido. A diferença principal é que, ao contrario do marxismo não defendia o internacionalismo mas o genocídio.
      O próprio Rui Silva era um admirador de Hitler.
      Para terminar e se a malvadez se pudesse contar por numero de mortes, a estrema estupidez ganha com grande destaque.

      Manuelinho

  3. Parece que o José Rodrigues dos Santos anda a fazer escola.

  4. O PCP e o BE deveriam reagir apelidando de extrema/ direita o CDS e de direita radical o PSD quando estes gritam de extrema/esquerda as bancadas à esquerda do PS. Por vezes o PCP/BE até parecem que gostam desses epítetos.
    A extrema/esquerda nacional é muito residual: partidos e grupos trotskistas, anarquistas e Arnaldo Matos mais 50 militantes do MRPP.

  5. Carvalho says:

    Nããão…

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Alterar )

Connecting to %s