Para tudo. 


Ortografia para tudo. Só não parou a asneira do CM que, escreveu “pára” no lugar de “para”. Jornal que, supostamente, segue o AO90.

Nota: este post está escrito de acordo com o AO90, não sei se terão reparado.

Comments

  1. Rui Naldinho says:

    Um dos problemas do AO90 é precisamente esse. O de ninguém saber a quantas anda! A não ser aqueles iluminados como o Prof Malaca Casteleiro, que na ânsia de deixar obra feita nesta vida de Catedráticos, arranjou uma verdadeira confusão.
    Há uma série de palavras que perderam a acentuação, mas como nos soam mal na leitura de uma frase, acabamos por escrevê-las como antigamente. Mas depois há outras que já as escrevemos como no AO90. Uma verdadeira aberração.
    O Português falado e escrito que tínhamos nos finais do século passado, era mais que suficiente para as nossas necessidades, como povo. Concerteza com as mutações normais que cada língua vai tendo ao longo dos tempos, desde os contributos pontuais da diáspora, das novas tecnologias, e até do desporto, no aportuguesamento de algumas expressões, que acabam a ser usadas por uma enorme maioria de pessoas.
    Não! Quiseram inventar, e fizeram asneira.

  2. Ana A. says:

    Quando li o título “Para tudo.” – conclui, mentalmente, …há uma explicação!

  3. Lu Pisarro says:

    Nada a ver…

    No Brasil usamos “para”

    A frase correta seria…
    “Atropelamento para linha amarela do metro de Lisboa”

    Escreveram errado, isto sim.

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s