Uma página numa rede social


Não sou muito de Facebooks, mas por causa dos posts do nosso João Mendes, tive curiosidade e fui ver.
Grande desilusão. Sempre pensei que seria uma página essencialmente de luta. Isenta e imparcial, com vontade de bater tanto naqueles que nos governaram como naqueles que nos governam.
Afinal, não é o caso.
A vontade de bater no Governo de Direita que está actualmente no poder parece que não é muita. Porque é disso que se trata: um Governo de Direita que está a praticar uma política de Direita e que, existindo uma alternativa muito pior, está a ser apoiado por uma Esquerda verdadeira mas que está a engolir muitos sapos diariamente. Se este Governo fosse de Esquerda e estivesse a governar à Esquerda, não seria, obviamente, elogiado pelo Ministro das Finanças da Alemanha.
Legitimidade total, obviamente, para Uma página numa rede social. Cada um é livre de escolher a sua linha editorial e o grau de coerência dessa escolha.

Comments

  1. Paulo Só says:

    Eu também não entro nessas redes sociais, então não posso me exprimir sobre essa página. Contudo paira no ar uma grande dúvida. O PS deve achar que em função desta geringonça bem sucedida está a salvo, e que isso evita qualquer espécie de debate sobre questões como o CETA, e outras relativas à políticas sociais mesmo na conjuntura portuguesa, que é o que se sabe. Gostaria apenas de lembrar que o PS francês, segundo as últimas sondagens, deve ter 30 deputados na próxima assembleia francesa contra mais de 200 do partido do Macron. Na atual legislatura o PS francês tem 292 deputados, ou seja na próxima terá cerca de 10% dos deputados que tem hoje. Obviamente trata-se de um caso extremo, mas não há dúvida que os partidos sociais democratas por toda Europa estão perdendo sistematicamente todas as eleições. Isso não mereceria uma reflexão pública?

    • Ricardo Ferreira Pinto says:

      Já o PS, por este andar, vai ganhar a maioria absoluta nas próximas eleições.

      • Rui Naldinho says:

        Acha mesmo? Eu não apostava.
        Mas cada um com a sua fé!

      • José Peralta says:

        E se ganhar a maioria absoluta, e tiver a veleidade, e direi mesmo, a indignidade de descartar os partidos de que precisou para uma maioria parlamentar, que o apoiam numa penosa e lenta recuperação de direitos, de liberdades e de garantias destruídos pelos odiosos pàfffff ?

        Terá a estupidez suprema de abrir uma “caixa de pandora”, e aliar-se a PSD e CDS ?

        Nesse caso, que espero improvável :

        Então, Costa ! PUFFFF !

    • Rui Naldinho says:

      O seu comentário é bom. Mas você podia ter ido mais longe. Até porque pôs o dedo na ferida.
      Não sou simpatizante, nem nunca fui, do PS.
      Detesto os partidos que gostam de chegar a todos os lados, para acabarem detestados por toda a gente, fora os indefectíveis. Foi isso que aconteceu à social democracia europeia. Venderam a alma ao Diabo.
      Porra, nunca leram Leon Trótski? E Rosa Luxemburgo?
      Sim, eu sei, estamos no Século. XXI!
      E depois? Acabaram as guerras? A globalização diminuiu as desigualdades? Ou os BRICS, cada vez mais RIC, (Rússia, Índia e China), e mesmo esses a anos luz do Estado Social Europeu, são a verdadeira solução?
      Quanto ao elogio de Wolfgang Schauble a Centeno, só dá mesmo para rir.
      Parecia o Mourinho a elogiar o Arséne Wagner!!!

  2. JgMenos says:

    Que novidades!

  3. A. Cabral says:

    Já o fizemos por outras ocasiões insatisfeitos com um governo do PS tudo fizemos para ajudar a contribuir que esse governo caísse, e conseguimos, só que a alternativa está sempre na direita, preparamo-nos então para a repetir a história e acabará por se reescrever, ficam então muito satisfeitos e bem calados os patrocinadores dos que acham que temos de empobrecer para merecermos o nome de Português.
    A. Cabral

    • Rui Naldinho says:

      Você agora fez-me lembrar aquelas duas velhotas lá na aldeia, a comentar uma com a outra, sobre a violência doméstica dos seus maridos. Diz uma:
      – Ó vizinha, o meu homem é mesmo velhaco! Para além de chegar todos os dias bêbado a casa, quase todos os dias me dá porrada! Tenho o meu corpo quase todo dorido.
      Diz a outra:
      – Ah! O meu até nem é mau Diabo. Só é pena ele chegar todos os dias a casa, bêbado. Mas porrada é só de vez em quando!

  4. Ferpin says:

    O elogio do schaube é metade ironia hipócrita e metade necessidade.

    O costa não governa à esquerda. Nem sequer é verdadeiramente socialdemocracia.

    É no entanto o máximo à esquerda que é possível no contexto actual.

    Quem diz coisas do género acima desejava o costa a dar uma de maduro, para onpais ficar em pantanas e os corruptos da PAF odetem voltar. Se calhar, em especial o CDs que já deve ter gasto a massa todos FIS negócios do video e precisa de mais.

    Quanto a maiorias, sou Socialdemócrata, usual eleitor PS, e espero que o costa não tenha maioria absoluta, que a PAF minhue o mais possível e que o PS precise pelonmenis de um entre o PCO e BE.
    Estou muito satisfeito com a geringonça.

    • Ferpin says:

      Escrever no telemóvel dá naquilo. Mas… percebe-se, não?

      • Rui Naldinho says:

        Percebe-se muito bem.
        Aqui o que interessa é dar a nossa opinião sobre os conteúdos e as ideias que ali estão implícitas, mesmo que os corretores ortográficos nos atirem para onde não desejamos ir. Eu que o diga.
        E digo-lhe desde já, que assino por baixo o seu comentário.
        O PS sózinho não é confiável.
        “são muitos anos a dar o dito por não dito”

  5. José Peralta says:

    Ricardo Ferreira Pinto

    “Se este Governo fosse de Esquerda e estivesse a governar à Esquerda, não seria, obviamente, elogiado pelo Ministro das Finanças da Alemanha”.

    Sim ! E parece-me que acredita na cabriola política do schäuble , que eu, no post de João Mendes “Ri-te agora, passos !”, já comentei como uma merecida traição ao passos e à “barbie” albuquerque e um alerta ao Costa da possibilidade de ser o alvo de próxima traição.

    Por isso, eu subscrevo por inteiro a opinião de Pacheco Pereira na “Quadratura do Círculo” : O schäuble é um cínico e o que está é a gozar com os Portugueses !

    Sou apoiante do BE ! E se, no actual contexto político, para não termos de volta celerados como o aldrabão-mór e a mentira loura, a azougada cristas e toda a tropa fandanga adjacente, deixe lá os sapos engolidos e a engolir porque, como o próprio Ricardo diz “existindo uma alternativa muito pior”, do mal…o menor !

    • JgMenos says:

      Tenho más notícias, Peralta!
      Estamos mais uma vez numa onda de repartição, que como todas as outras em que a vaca é magra, vai dar merda para alguém!

  6. anti pafioso. says:

    Espero que PCP e BE não estejam a preparar outra junção á direitalha para derrubar o governo P S , Se PCP e BE conseguirem ganhar eleições e praticarem a politica que prometem ,cá estamos para os apoear .

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s