Diogo Pacheco de Amorim, és tu?

Comments

  1. Rui Naldinho says:

    Só posso constatar que Lula é adepto do Corinthians, e num assomo de clubismo parolo, acha que os brasileiros são os melhores treinadores do mundo. De facto não são. E não é por terem 5 campeonatos do mundo que isso faz qualquer diferença.
    Com o potencial de um país como o Brasil, a verdadeira pátria do futebol, da massificação ao sentido estético do termo FUTEBOL, seja ele de praia, de sala, ou o chamado futebol de 11, eles deviam era estar a nível de seleções, como o Real Madrid está ao nível de clubes.
    Não, não estão. Preferem brincar com a bola, recrear-se com as suas habilidades, e depôs são goleados em casa, por exemplo, por uma Alemanha.

  2. Paulo Marques says:

    Qual é suposta ser a semelhança? Dizer que os emigrantes são inferiores é igual a dizer que temos que cuidar dos nossos primeiro?
    Há quem tanto lhes faça, desde que os possa explorar. Não costuma ser uma posição que, assumida em voz alta, resulte muito bem.

    • JgMenos says:

      Tadinho do Lula,
      Só mesmo um esquerdalho para o bem compreender.
      Afinal ele é todo pelos emigrantes …brasileiros.

      • Joana Quelhas says:

        O Lula gosta é de imigrantes da estirpe: Cesare Battisti.
        Gosta acolher criminosos.

        Diz-me com quem andas …

        Joana Quelhas

        • POIS! says:

          Pois é, ó Juaoanna Qwellhass!

          Conte lá a história, mas até ao fim!

          O que disse Lula em 2020:

          “Segundo Lula, líderes da esquerda brasileira estavam convencidos da inocência de Battisti, mas ele enganou “muita gente no Brasil”. “Não sei se enganou muita gente na França, mas na verdade muita gente achava que ele era inocente. Nós cometemos esse erro, pediremos desculpas”.

          Está tudo aqui:

          https://www.cartacapital.com.br/politica/lula-admite-erro-ao-proteger-cesare-battisti/

          Sabe que há gente que consegue enganar meio mundo. O seu amigo Trump também está farto de dizer que não teve nada a ver com o ataque ao Capitólio.

          Diz-me com quem andas nas Quelhas, ó Quweellhass…

      • Paulo Marques says:

        Leia um livro ou qualquer coisa, é trivial.

        • Paulo Marques says:

          Mas, pronto, eu faço um desenho. Que os cidadãos, independentemente da origem devem ser todos tratados da mesma forma não está relacionado com a quantidade de cidadãos extra que o país pode importar de uma vez.

  3. Joana Quelhas says:

    Quem são vocês para criticar?
    O Lula Ladrão como é conhecido no Brasil, está num patamar superior a todos vós.
    O Lula Ladrão é Doutor Honoris Causa pela nossa querida Universidade de Coimbra.
    Tenham respeito.O homem é Doutor em Portugal . Só no Brasil é que é Ladrão.
    .

    Em Portugal : “fez o bolsa familia”
    No Brasil entregou milhões a::

    Odebrecht.
    OAS.
    Camargo Corrêa.
    Andrade Gutierrez.
    Queiroz Galvão.
    UTC Engenharia.
    Engevix.
    IESA Óleo e Gás.
    etc ( e que etc…)

    Tudo em nome dos….
    pobrezinhos , pois claro.
    O Socialismo acaba sempre da mesma forma…

    P.S. :Chamo daqui a atenção da nossa “Inteligentsia” para o facto de esse grande vulto de … tudo, Dilma Roussef ainda não ter sido agraciada com essa importante distinção . Para quando o doutoramento de Dilma Roussef ?

    Joana Quelhas

    • POIS! says:

      Pois mas… ó Qwuellhhass fique Vosselência descansada!

      Deus não dorme. E colocou o Venturoso Bolsoneiro no poder e tudo mudou! Aquela malta da lista de beneficiários está toda na cadeia, alguns condenados a prisão perpétua e outros ainda por mais tempo.

      E a coisa não vai ficar por aqui! Os próximos vão apanhar penas de morte ou ainda piores!

      É por isso que o inevitável êxodo de volta a casa dos brasileiros que aqui se tinham exilado temporariamente não pára. São aos milhares todos os dias. Os aviões não chegam, pelo que já se encara a possibilidade de reatar as carreiras de barco a partir da Costa da caparica.

      O Costa bem que aproveitou a desculpa da pandemia para lhes dificultar a saída, mas sem êxito: partem todos os dias com uma raiva indescritível por terem de viver num país onde a epidemia matou muitos, e não no seu onde os mortos por COVID não ultrapassaram os trezentos e poucos.

      Não fosse o conhecido síndroma tropical conhecido como “Gripezinha Resfriadinheira”, que matou mais de 600 mil porque não consumiram a devida cloroquina no fim das refeições, como mandou um senhor que costuma aparecer na televisão às quintas-feiras, e teria passado despercebido o movimento das escava doras nos cemitérios.

      A benção divina que orienta o Venturoso Santo Bolsoneiro ficou bem patente no salmo cantado pelo Venturoso Filho Flávio na sessão dominical da Igreja Universal do Reino da Carabina:

      Deus nos deu muitos milagres,
      Deu agora muitos mais,
      Bastaram cinco minutos,
      Choveram 30 mil reais.

      Quando pedi proteção,
      P’ra nossa bela vidinha,
      Logo Ele m’enviou
      A Sagrada Rachadinha.

    • Rui Naldinho says:

      Só alguém muito néscio não sabe distinguir um doutoramento académico, universitário, defendendo uma tese de investigação, dum doutoramento “Honoris Causa”.
      Enfim!

      • Joana Quelhas says:

        Doutor (PhD) em qualquer ciência natural/biológica/exactas/social não depende da qualidade moral do individuo.
        Qualquer energúmeno moral o poder ser , bastando-lhe inteligência suficiente para tal.
        Já o que está frequentemente subjacente ao doutoramento Honoris Causa , não é o conhecimento de qualquer particularidade das ciências (tese).
        O que neste caso está em causa é a distinção pela pratica empírica numa das ciências ou a envergadura moral/ética demonstrada pelo individuo.
        A distinção prestada a Lula da Silva insere-se neste ultimo ou seja pela sua actuação na área etica/moral .
        Não é risível ?
        Eu acho.

        Joana Q.

        • Paulo Marques says:

          Percebe-se, uma instituição que ainda inspira tantos valor da velha senhora, conspurcar-se assim! Devia ter-se ficado pelo FHC pelas suas contribuições sociológicas.

    • Paulo Marques says:

      Era questão para perguntar se o fez por decreto, já que a culpa é solteira. O Bolsonaro já se sabe que sim, a uma lista bem mais longa de amigos.

  4. Ilusionistas says:

    Pelas quelhas da amargura…


  5. Tivesse sido o Bolsonaro a dizer isto e abria o telejornal. Tivesse sido o Cavaco a dizer que havia dentistas brasileiros a mais porque temos cá muitos que precisam de trabalhar, e já tinha mais queixas contra ele que o Bruno de Carvalho.

    • Rui Naldinho says:

      A ignorância é tramada. Mas há quem goste de se manter nesse “limbo”, convencido que tem piada.
      Antes de tudo o que possa ser dito sobre este assunto, qual é a analogia entre a vinda em massa de dentistas brasileiros, ou um ou dois treinadores de futebol, seja cá, seja no Brasil?
      Nenhum.
      Como se Portugal num passado remoto o nosso campeonato não tivesse sido brindado por dezenas de treinadores brasileiros de futebol. Alguns eram bons, outros nem tanto.

      Atribuir qualquer sentimento de xenofobia ou até nacionalismo primário àquilo que Lula escreveu, só mesmo para quem pretende confundir liberdade de expressão com extremismo.

      https://www.gazetaesportiva.com/times/corinthians/lula-revela-apreco-por-sylvinho-e-e-contra-tecnico-estrangeiro-no-corinthians-ta-cheio-de-gente-aqui-para-trabalhar/

      Leia o que ele escreveu e qual era o contexto da sua afirmação.

      Já Cavaco é um homem politicamente morto. Ressuscita de vez em quando para lhe alimentar o ego, pelos vistos. A si e a uns quantos. Mas, tirando isso, só mesmo para nos rirmos dele. Cavaco é o verdadeiro chupista do Estado. Nunca se assumiu como servidor público, vulgo funcionário, talvez por vergonha, mas nunca abdicou do seu naco. A tal ponto que trocou o seu ordenado de PR, pelas várias mordomias acumuladas ao longo da vida, todas elas à volta do erário público.
      Borrou-se por muito pouco.

  6. Joana Q. says:

    O Lula gosta é de imigrantes da estirpe: Cesare Battisti.
    Gosta acolher criminosos.

    Diz-me com quem andas …

    Joana Quelhas

    • POIS! says:

      Pois é, ó Juaoanna Qwellhass!

      Conte lá a história, mas até ao fim!

      Disse Lula em 2020:

      “Segundo Lula, líderes da esquerda brasileira estavam convencidos da inocência de Battisti, mas ele enganou “muita gente no Brasil”. “Não sei se enganou muita gente na França, mas na verdade muita gente achava que ele era inocente. Nós cometemos esse erro, pediremos desculpas”.

      Está tudo aqui:

      https://www.cartacapital.com.br/politica/lula-admite-erro-ao-proteger-cesare-battisti/

      Sabe que há gente que consegue enganar meio mundo. O seu amigo Trump também está farto de dizer que não teve nada a ver com o ataque ao Capitólio.

      Diz-me com quem andas nas Quelhas, ó Quweellhass…