Longe, ainda assim, dos 7 – 0 de Vigo


O pobre guarda-redes nem sabia onde havia de se meter. Ainda te lembras dessoutro pesadelo?

Comments

  1. inquieto says:

    Caro Ricardo,
    Ser cego não é aquele que não vê, mas aquele que não quer ver. Gostaria de o ver olhar para a floresta em vês de ver só a árvore. Colocar este vídeo que tem tantos anos, é tentar tapar o sol com a peneira. Sou benfiquista convicto. Não olho para o meu clube e para o desporto que gosto de uma forma cega e com raiva pelo que os outros clubes do meu país conquistam. O meu Benfica simplesmente não mereceu ganhar nada de nada estes últimos anos(nem mesmo a taça que ganhou ao Sporting no ano passado) agora aproveitar um desaire como o que aconteceu ontem colocando um desaire que aconteceu ao benfica á anos parece-me faciosismo. Gostaria que se lembrasse da quantidade de dinheiro que o Porto ganhou pela sua merecida presença na liga dos campeões estes últimos anos, gostaria que se lembrasse das vendas milionárias que o Porto efectuou os últimos anos e por fim gostaria que se desse ao trabalho de pensar para onde foi esse dinheiro visto que a entrada desses milhões, não correspondeu ao abate do passivo que é similar aos outros clubes que nada ganharam. Agora sim para terminar, mais uma questão, porque é que saiu o Dr. fernando Gomes responsável pelo departamento financeiro do clube no maior dos secretismos. Não se questionam? A verdade é que acabaram os tempos em que qualquer trouxa que treinasse o Porto era campeão, muito por demérito dos outros clubes que se guerreavam internamente e comprava-se jogadores por dois tostões e vendia-se por milhões. Este ano a maior contratação foi o cebola por 8 milhões e tão chorados foram. Cego não é aquele que não vê, cego é aquele que não quer ver.

    • Ricardo Santos Pinto says:

      Caro Inquieto,
      Tens toda a razão em tudo o que dizes. TUDO. É pena que nem todos os benfiquistas, no Aventar e fora dele, sejam como tu.

  2. Carlos Fonseca says:

    Ricardo, se aplicássemos uma espécie de teoria da lógica ao teu raciocínio comparativo, concluiriamos que o Celta de Vigo ganharia ao Arsenal por 2-0, mas que Benfica e F.C.Porto levariam pesadas cabazadas de qualquer deles. Duas coisas iguais a uma terceira (vítimas de pesada derrota) são iguais entre si. Que diferença é que faz ser por 5, por 7 ou por meia-dúzia?

  3. Pedro Sousa says:

    Ai Sr Ricardo, como portista que sou (e tu sabes bem o quanto) não fiquei nada contente com o resultado de ontem, mas não podemos tapar o que aconteceu com uma coisa que aconteceu à muitos anos atrás (ainda nos arriscamos a que ponham aqui o video dos 5-0 que levamos em 1988 do PSV). Acho que não vale a pena estas coisas. Não gosto do Benfica, internamente fico muito feliz com as suas derrotas, mas sinceramente, a nível externo torço por eles, acima de tudo Português

  4. Pedro Sousa says:

    Só uma coisa. O cebola não foi comprado este ano caro Inquieto 🙂

  5. inquieto says:

    Caro Pedro Sousa,
    Tem razão, é uma imprecisão, mas no substancial não altera nada.
    Caro Ricardo,
    Este estado de espírito, deve-se ao facto de estar anos e anos a sofrer aver o meu benfica a lamentar-se com desculpas sem sentido 🙂


  6. Este ficou contente por só ter levado “5”.
    Se não fosse a noite inspirada de Stº Helton, o record de Vigo tinha sido batido largamente.

  7. Ricardo Santos Pinto says:

    «Este» não ficou contente. Quem ficou contente, pelos vistos, foi o benfiquista que fez o post do jogo do Porto.
    Já agora, educação precisa-se.

Trackbacks


  1. […] de Março? (Memória discursiva)inquieto em PEC: Bagão Félix à Esquerda de Sócratesinquieto em Longe, ainda assim, dos 7 – 0 de VigoPedro Sousa em VERGONHA!brmf em VERGONHA! […]


  2. […] sei bem a que propósito, mas um Aventador parece ter-se dedicado à história dos resultados de futebol. Como não quero deixar de contribuir para tão interessante e oportuno […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.