PSD: ‘Ora venha de lá um das Caldas’

Na edição de hoje, do jornal i, Ana Sá Lopes publica um artigo de opinião alusivo ao Congresso do PSD, realizado este fim-de-semana em Mafra. O título do artigo é Altos & Baixos do Congresso. Li e concluí tratar-se de um itinerário simplista, sob a forma de visita a perfis e desempenhos dos protagonistas, anciãos e novos, de caminhadas incessantes do PSD, pelo complexo labirinto em que se emaranhou e de que não consegue sair.

Do título, parece legítimo inferir que o congresso do PSD, como seria normal, teve pontos altos e pontos baixos. Em minha opinião, não foi assim. O partido laranja continua a ser um navio encalhado em mar de maré muito baixa, mesmo vazia, órfão de quem, com credibilidade e sabedoria, lhe pudesse imprimir uma navegação firme, com rumo traçado à medida de naturais expectativas dos seus votantes, e dos portugueses em geral. Para tamanho empreendimento, dizem os especialistas politólogos, o PSD precisaria de um timoneiro experiente e de uma tripulação à altura das capacidades do comandante. Marcelo poderia ser esse timoneiro, mas sabe que a tripulação é desastrada e, sendo dos mais sábios militantes, recusa entrar em aventuras. Jogar por fora é a escolha do saber.

Ao pensar em ‘Altos & Baixos do Congresso’, reafirmo, pois, que o evento ocorreu, todo ele, em baixíssima qualidade, mesmo quando a plateia – e Passos Coelho e respectivos apoiantes em especial – se deleitaram e se expressaram de forma efusiva perante a prestação de um tal Fernando Costa, boçal, truculento e que, pelo que confessou, não deve e deve tudo o que é ao partido – 10 anos de AR e 24 anos como Presidente da Câmara Municipal das Caldas. Ao ver as reportagens televisivas, tive a paciência de assistir aos entusiasmados risos, gritos de euforia e aplausos de uma plateia até então dormente. E pensei que, para o PSD, o melhor estímulo para se agitar em congresso é clamar: “Ora venha de lá um das Caldas” – os interesses do País que se … lixem! acrescento eu.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.