Recado do 25 de Abril a Mário Soares

Seja bem-vindo quem vier por bem

Zeca Afonso

Com esta entrevista, Soares, no habitual uso e abuso do papel de paternalista supremo da democracia portuguesa, critica Blair, o famoso “socialista” do New Labor, curiosamente grande inspirador das políticas de Guterres e, a seguir, de Sócrates – recordo-me de Francisco de Assis, no anos 1990,  elogiar o Tony pela sábia refundação trabalhista, através da 3.ª via (É dele e da conservadora Thatcher, antes, que emergiu a moda das PPP).

Leio também que o presidente honorário da ‘comissão de anciãos’ da política portuguesa dispara, forte e feio, contras  políticas neoliberais, incriminando Merkel e Sarkozy. Teria  razão, se não estivesse desacreditado pelo apoio a Sócrates. Usando o mesmo sentido e o tom, com que acaba de elogiar Pedro Passos Coelho. Justamente um político confesso do neoliberalismo que Soares diz condenar – do dizer ao condenar, vai alguma distância. Talvez pela influência da visita (secreta?) de Soares a Coelho um dia destes, este último se tenha apressado a criar  a ilusão de ser defensor do sistema público de saúde, em mensagem de Páscoa, em vídeo,  no ‘Facebook’.

Há ainda um considerável número de portugueses com dificuldades em acreditar nestes jogos de cintura e contorcionismos dos políticos do bloco central; o tal bloco que, pela terceira vez em cerca de 30 anos, traz até nós a ajuda externa (agora, FMI-CE-BCE), com a uma esperada e pesada carga de sacrifícios.

Dr. Mário Soares, estamos a poucas horas de comemorar o 36.º aniversário do 25 de Abril e permita-me sugerir que tome em conta o seguinte: “Seja bem-vindo quem vier por bem”, como dizia o Zeca Afonso. Seria útil que, ao menos uma vez, escutasse e respeitasse a voz do Zeca, isto é, a voz dos cidadãos anónimos que sentem as derivas ao Abril de 1974. Dos que, como eu, aqui em pleno Alentejo gritarão: Viva o 25 de Abril! A despeito do abandono, das carências, do desemprego e das injustiças sociais a que estamos sujeitos. Coisa bem diferente do que se passa nos locais que frequenta.

Comments


  1. O problema do Dr. Soares é que ele trouxe muitosssssssss amigos, também!

  2. céptico says:

    «Qual é coisa qual é ela que sobe mais de 2% ao dia desenhando um perfeito crescimento parabólico?
    Se respondeu prata está errado.
    Estou a falar dos juros da dívida pública.»
    http://inflaccionista.blogspot.com/

    IMPORTANTÍSSIMO, LEIAM E DIVULGUEM O MAIS POSSÍVEL:

    «Começou o ataque a Portugal e à Grécia»
    http://caldeiraodebolsa.jornaldenegocios.pt/viewtopic.php?t=76617&start=0


  3. Venham por bem…. o FMI???

    Adiante.

    Tenham 1 bom dia.

    http://gataescondida.wordpress.com/2011/04/24/eiiiiaaaa-o-25/

    • carlos fonseca says:

      FMI? Claro que não. Os recrutados pelo Dr. Soares. Há que confiar. Ele é fixe. Eu e mais umas centenas de milhar somos crápulas.

  4. Ana Paula Fitas says:

    Um grande abraço, Carlos.
    Viva o 25 de Abril!
    Sempre!

    • carlos fonseca says:

      Ana Paula,
      Um grande abraço de adimiração e respeito, mesmo quando não pensamos exactamente igual. O que não é o caso do 25 de Abril. Viva!!! Grito em coro com a Ana Paula. Sempre.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.