Vamos brincar aos pobrezinhos?

PJ efectua buscas nas casas de Ricardo Salgado e restante corte com o objectivo de apreender bens e documentos. A Comporta vai ser pequena para tanta brincadeira.

Comments


  1. Não vejo ali brincadeira alguma. Aqueles já eram, ainda que eventualmente algum membro da família possa ficar fora do processo, será o período mais negro da história familiar…

  2. Ausente52 says:

    E’ preciso possuir-se uma enorme dose de ingenuidade para o RS “deixar” algo de interesse a ser apreendido.

  3. martinhopm says:

    Estes «senhores» não dão ponto sem nó. E não estão descalços. Descalço estou eu e os da minha igualha, ou seja, os pagadores de impostos, para pagar as suas falcatruas. Eles têm-no a bom recato naqueles lugares que eles e os amigos, governantes, os amigos dos grandes escritórios de advogados, conhecem desde há muito tempo. Ainda não entendi é como é que um está lá dentro e o(s) outro(s) anda(m) cá fora. Esclareçam-me sff.

Trackbacks


  1. […] e do Palácio de Belém nos sossegava afirmando que era seguro confiar no Banco Espírito Santo. Ontem, por entre arrestos de bens e buscas às casas de algumas figuras de topo da antiga administra…, surge uma notícia que dá conta de um fundo do Estado que perdeu 6 milhões de euros com a aposta […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.