Apresentação do livro do Paulo Guinote “08/03/08”

Citações de memória, mais pela ideia do que pelas palavras exactas, da apresentação, hoje, na livraria Buchholz, Lisboa.

As manifestações dos professores foram precursoras de outras, como os movimentos de indignados, em Espanha e Portugal, e dos movimentos da Primavera Árabe. (Sampaio da Nóvoa)

O controlo burocrático, que antigamente exigia recursos materiais e financeiros consideráveis, está agora a um click de distância, com custos reduzidos, como forma de controlo dos profissionais.  Um controlo que não traz valor, nem, muito menos, se traduz em avaliação de desempenho. (Sampaio da Nóvoa, referindo José Gil)

A terceira grande revolução, a da Internet, que sucedeu à invenção da escrita e, depois, do livro. (Sampaio da Nóvoa)

Um livro que regista uma memória que se estava a desvanecer. (Paulo Guinote)

A maior perda terá sido a quebra do nível de confiança que se tinha construído entre pessoas que não se conheciam antes da manifestação. (Paulo Guinote)

Passados 8 anos, há que pessoas que, emocionalmente, não conseguem ler estes textos. Mas que, em termos de memória colectiva, se consiga manter este espírito. (Paulo Guinote)

Comments

  1. J.V. says:

    Pequeno comentário à margem do cerne do post: se não foi intencional, é então feliz coincidência que um post de citações por memória seja ilustrado por uma imagem também ela desfocada. Texto e imagem, embora imprecisos, não deixam de transmitir o fundamental da ocasião.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.