A circunstância da aldrabice


MM

A propósito desta esclarecedora posta que encontrei n’Uma Página Numa Rede Social, lembrei-me da indignação do deputado Miguel Morgado há uns dias, a propósito do erro do DN na entrevista de Pedro Passos Coelho. Parece que a palavra “roubou” foi injustamente atribuída ao líder do PSD. O que Costa fez foi derrubar a legislatura, não roubá-la. Acho que devemos um pedido de desculpas ao antigo primeiro. Eu pelo menos devo. Desculpa Pedro, estive mal. Perdoas-me ou tenho que puxar do teu historial de embustes pelos quais nunca pediste desculpa ao país?

No Facebook, Miguel Morgado publicou um excerto do editorial onde André Macedo se desculpou pelo sucedido. E acrescentou-lhe isto:

Agora pergunto: duas semanas para corrigir isto? Incompetência provavelmente não é a palavra.
Mais isto: o que dirão agora as criaturas que censuraram violentamente Passos por esta falsa citação que lhe foi atribuída?

Se eu não fosse deputado, teria mais uma coisa a dizer. Mas a circunstância não o permite.

Ora bem, se vamos por aí, importa notar que o DN demorou apenas duas semanas a corrigir o erro. Passos Coelho já vai quase em três meses para corrigir aquela balela das inaugurações. Meio ano no caso daquela outra sobre o novo patrão da sua antiga ministra. E hoje ficamos por aqui. Parafraseando Miguel Morgado, “incompetência provavelmente não é a palavra”. Qual será então? Já sei: falta de vergonha na cara. Sim, são cinco palavras. Na melhor das hipóteses consigo reduzir para três: cara de pau.

E por falar em criaturas que censuram violentamente, que dizer das criaturas que se autocensuram com igual violência de cada vez que Pedro Passos Coelho mente ao país? Será que o deputado Morgado manifestou igual indignação por ocasião dos embustes do seu chefe? Claro que não. Nem piou. Se calhar até queria mas não o deixaram, coitado. Deve ter sido a circunstância que não o permitiu.

Foto@DN

Comments

  1. cara-de-pau é uma palavra só🙂 #win

  2. anónimo says:

    Para perceber a guerra na Síria, e quem suporta o isis e o daesh:
    http://mundocaohoje.blogspot.pt/2016/07/israel-sofre-as-dores-do-daesh.html

  3. j. manuel cordeiro says:

    E mais um pequeno detalhe: então e o PSD demorou duas semanas a detectar o erro? É que o DN corrigiu logo que o PSD avisou. Verdade, verdadinha, tenho para mim que alguém se lembrou “olha, vamos deixar passar uns tempos, cria confusão, junta argumentos à tese da usurpação e depois ainda pomos a culpa no jornalista”. É que o próprio assessor de imprensa do Passos, presente na entrevista, diz que também ouviu “roubou”.

  4. Manuel Moutinho says:

    Este deputado é uma anedota, mais uma aberração que o 25 de Abril permitiu.

    • Nascimento says:

      Está muito enganado.Este “deputado” só o é porque foi e é um dos gurus de Passos tal como Carlos Moedas. Este “deputado”é um f. da p. de extrema direita. Este f.da p. ainda andava a fazer pela vidinha quando foi convidado para botar opinião num programa daRTP1 em que tentou achincalhar com atitudes parvas e mal educadas Homens como José Gil, e Eduardo Lourenço.
      Não se lembram? Não viram? Eu vi. E não esqueço o ar arrogante e nariz emproado do F. DA P….é do mesmo quilate de uma V…..CA de extrema direita que dá pelo lo nome de F. B.
      a Fu..f Na . arrogante e mal cheirosa?
      Chocados? Mas não sabiam que QUEM não vai para “horizontal”, não passa na ” UNIVERSIDADE” da madame??!!!
      Ingénuos educadinhos du caraçes….eu não. EU ADORO SER MAL EDUCADO PARA COM TODOS OS FILHOS E FILHAS DA PUTA QUE CONSIDERO “DEMOCRATAS” RECICLADOS. E MODERNAÇOS….ui.

  5. Esse gajo tem os dentes tortos, além de sectário exagerado, igual ao passos mentiroso .

  6. anónimo says:

    Ir à boleia para Paris para representar o estado, no avião da Galp, é crime se for secretário de estado.
    Se for num “meio aéreo” nacional e se for presidente já não é crime.
    O comentador Ir de férias para casa do maior criminoso nacional, também não é crime.
    “Eu compreendo que o Prof. Marcelo Rebelo de Sousa tenha muita mágoa em não poder continuar a passar as suas habituais e luxuosas férias de fim de ano na mansão à beira-mar no Brasil do Dr. Ricardo Salgado”, referiu José Maria Ricciardi

  7. Anti-pafioso says:

    Há grande Nascimento ,não lhes perdões a esses F D P .

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Alterar )

Connecting to %s