Grau zero da política


2016-09-18-23_03_57-psd-on-twitter_-__ha-algum-portugues-que-ache-que-o-melhor-que-pode-ambicionar-n

Passos Coelho, na Festa da Beira Baixa, que PSD organizou em Castelo Branco

Depois de ter quebrado todas as promessas eleitoral supostamente por causa das metas do défice e da dívida,  depois de não ter atingido nenhuma dessas metas, depois dos colossais aumentos de impostos para chegar a esses objectivos, depois de não ter perdido uma oportunidade para falar do pouco conseguido sempre que estes números eram menos maus, depois de ver que, talvez, a Geringonça consiga atingir a meta do défice, depois disto tudo, Passos Coelho tem a enorme lata de dizer que quatro anos e meio de sacrifícios foram para algo que não se ambiciona.

O grau zero da política é isto.  Dizer uma coisa e o seu oposto, conforme dê  jeito, se necessário até no mesmo discurso.

“Há algum português que ache que o melhor que pode ambicionar nos próximos anos é andar a ver se cumprimos a meta do défice?” Sim, todo o PSD, menos Pacheco Pereira, e o CDS de há um ano.

Já agora: O artigo na imprensa do costume ainda tarda a sair?

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s