Ana Gomes, a corajosa e consequente


ana-gomes

Ao contrário de todos os outros eurodeputados do PS português, Ana Gomes votou no passado dia 15 contra o CETA (o acordo comercial UE-Canadá) no Parlamento Europeu. A única eurodeputada do PS com coragem e que arrisca uma posição que, essa sim, é socialista. Eis a sua fundamentação (no FB):

“Votei contra o CETA porque, primeiro, o Sistema de Tribunais de Investimento previsto contorna os sistemas judiciais estaduais através de tribunais privados de arbitragem que favorecem o setor privado contra o interesse público.

Segundo, porque o CETA não inclui um capítulo sobre regulação financeira e fiscalidade para as empresas que dele beneficiam. É inadmissível manter o status quo, em que as grandes multinacionais e a criminalidade organizada se aproveitam da mobilidade internacional do capital para artificialmente transferir lucros para jurisdições onde a fatura fiscal é diminuta ou para “lavar” os proveitos do crime, fiscal e outro. Esta desregulação cria desigualdades e distorções na concorrência em mercado, favorecendo as multinacionais, incluindo as do crime. Um acordo de comércio UE-Canadá teria, no mínimo, de tornar vinculativo o que já foi acordado no quadro da OCDE – projeto BEPS (Base Erosion and Profit Shifting). Essa seria forma de começar a impedir que várias jurisdições na UE funcionem como “tax swamps” e centros de branqueamento de capitais, tal como o Canadá, que é hoje conhecido por paraíso do branqueamento (snow washing).

Acordos como o CETA fazem o jogo das forças populistas e nacionalistas que cavalgam o ressentimento dos povos contra o neoliberalismo desregulatório.”

Parabéns e obrigada, Ana Gomes, por este posicionamento informado e independente da pressão partidária desse partido traidor que se denomina socialista mas que se comportou como paladino dos interesses do capital, tornando os pobres mais pobres e os ricos mais ricos. É assim, Srs. do PS, que se engrossam as fileiras da Marine Le Pen.

Comments

  1. Graça Horta says:

    Absolutamente merecido, este agradecimento. Junto o meu.

  2. Pode-se não concordar muitas vezes com as suas opiniões e o modo e o quando como as apresenta. São gostos, são opiniões. Mas que é corajosa e consequente, ninguém tolerante e livre pode duvidar.

  3. Rui Mateus says:

    A sua coragem vem de longe, dos tempos de estudante na faculdade de direito de Lisboa, quando também militou no MRPP. Pode-se não concordar com muitas das suas posições, que não é este o caso, mas demonstra sempre consequentemente a sua postura de uma democrata.

  4. Pena que tidos como “corajosos” tipo Assis, entre muitos outros infelizes, não tenham acompanhado a LUCIDEZ e CORAGEM dos que acompanharam esta Senhora Deputada neste sentido de voto. Já agora qual foi o sentido do voto dos parlamentares europeus da bancada do BE e PCP?

    • Ana Moreno says:

      Prometo-lhe um post a esse respeito amanhã 🙂 ou dois 🙂

    • Mário Reis says:

      Ricardo a votação foi a seguinte:
      PSD, PS, CDS-PP, MPT e o deputado Marinho Pinto votaram a favor; Bloco, PCP e a eurodeputada do PS Ana Gomes votaram contra.

      O drama é: quem sabe o que é o CETA. O eurodeputado João Ferreira a propósito do TTIP e CETA exigiu documentos e elementos do processo. As restrições foram tantas que dado o carateristico comodismo dos eleitos devem ter entendido que se trata de uma questão para os técnicos e não para quem se elege.
      Faz lembrar a negociação do acordo multilateral de investimento AMI que a AR votou, na esmagadora maioria sem saber o que votava. Lembro um texto exemplar de Eduardo Prado Coelho em meados dos anos 80 que pôs a nú a miserável ignorância dos que votaram a favor: PSD, PS, CDS. O “sentido de voto” anda muito associado ao sentido de serviço e de servidão…

    • Ana Moreno says:

      O prometido é devido, Ricardo. É só ver o post acabado de sair.

  5. Mário Reis says:

    Ana, falar ela fala. Importante é ver “com quem anda” e como se posiciona no que realmente interessa, e se efetivamente contribui com outros cidadãos para barrar e destruir um intrincado sistema de dominação que corre a uma velocidade e com meios estonteante, enquanto assistiu e assiste, ela e muitos outros, à destruição de focos que ao longo de décadas chamavam à atenção para o que se “reconstruia” como ameaça a todos nós. Ela e muitos outros.

    • Ana Moreno says:

      Concordo, Mário, mas neste caso ela não só falou como actuou. Há que reconhecer. E a pressão não deve ter sido pouca.

  6. Sem dúvida, Ana Moreno. De referir que a eurodeputada do PS, Maria João Rodrigues, não votou, porque terás sido, quando votou favoravelmente à proposta de rejeição do CETA na Comissão de Emprego e dos Assuntos Sociais (EMPL)? (1) (2)

    (1) http://www.nao-ao-ttip.pt/socialista-fura-voto-de-costa/
    (2) http://www.nao-ao-ttip.pt/comissao-europeia-de-emprego-e-dos-assuntos-sociais-nao-apoia-o-ceta/

  7. Deputadas como esta infelizmente são a excepção nos partidos e não a regra. É muito contestada no interior do PS onde chafurda o núcleo dos interesses. Ainda recentemente com um coro de oposição PS/PSD/CDS Madeira foi atacada devido ao seu relatório sobre a Zona Franca da Madeira um escandaloso offshore onde estavam centenas de empresas sediadas numa sala de 100 metros quadrados que contribuíram para a delapidação da economia portuguesa (a célebre suite 605) um autêntico esbulhos ao Estado português e aos contribuintes portugueses e que não é por acaso que o PS/PSD/CDS esta estranha e omnipresente santa aliança dos interesses funcione em pleno quando alguém começa a denunciar CRIMES desta natureza. Para os incrédulos aconselho-os a ler a obra “Suite 605” de João Pedro Martins. Quanto a Ana Gomes que nunca lhe doa a voz na denúncia dos escroques que delapidaram o país.

  8. Lúcia Dias says:

    Uma criminosa que devia estar a ser julgada em Haia.
    O Aventar já teve mais bom senso.

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s