Expresso patrocina conteúdos do Correio da Manhã sobre André Ventura


O Correio da Manha encomendou uma sondagem à Aximage para sentir o pulso aos portugueses, a propósito das declarações xenófobas de André Ventura sobre os ciganos. Para grande alegria da alt-right tuga, porque já não se aguenta tanta sondagem da Aximage em que o PSD não pára de se enterrar nas intenções de voto, – a última, apresentada no final de Agosto, após o Verão horribilis do governo, mantém Costa como o líder mais popular e Passos no fundo da tabela, paralelamente a uma queda de apenas 1% do PS nas intenções de voto (43%), ao passo que PSD continua em mínimos históricos (22,9%) – a maioria dos eleitores, da esquerda à direita, assina por baixo das polémicas declarações do candidato do PNR do PSD. Vale a pena, por inúmeros motivos, olhar de forma atenta para estes resultados.

Curiosamente, ou talvez não, o Expresso decidiu fazer a sua própria notícia sobre um conteúdo que não é seu e patrociná-la no Facebook. O que levará um jornal, que não patrocina todos os conteúdos originais que publica, a patrocinar uma peça que se resume a fazer eco de um estudo encomendado por um concorrente directo? Qual será o critério de uma empresa a braços com uma situação financeira delicada, a mandar fechar revistas e a preparar-se para cortar postos de trabalho, para investir uns quanto euros a promover uma peça destas? Só pode ser obra da furiosa censura orquestrada pela revolução socialista. Deve ser isso.

via Os truques da imprensa portuguesa

Comments

  1. O Homem generalizou e, por isso, foi impreciso no que disse. Mas, com tanta hipocrisia, pergunte-se quem gostaria de ter como vizinhos, famílias derespeitadoras das regras do ruído após as 22h00m, inundassem o chão de lixo, cidadãos que não respeitam as mais elementares regras de convivência torpediando o acesso a hospitais, nas visitas, nas consultas?
    Depois estão cá há tantos séculos e ainda não se integraram?
    Hipocrisia pegada de todos os lados.
    Porque relativizar afirmando-se que o recebimento, eventualmente, irregular do RSI é de somenos comparado com a alta corrupção? O relativismo corrompe as ideias e as práticas. É sempre condenável, quer seja a pequena trafulhice ou a alta trafulhice.
    Eu não condeno as palavras do Sr. Ventura.
    Nota: Não sou do PSD, PS, PCP, BE ou outra de alguma loja tipo “viúva”.

  2. JgMenos says:

    A realidade não é para ser conhecida mas para ser desenhada segundo o correcto padrão ideológico anti-toda-a-merda!

  3. Luís says:

    O problema do tipo do CDS foi o de generalizar e não apontar factos concretos e as possíveis soluções para o problema.
    Mas a “maravilhosa” cultura cigana do politicamente correcto não encontra eco na generalidade dos portugueses, principalmente aqueles que convivem de perto com essa “maravilhosa” cultura.
    Negociar filhos ainda crianças em uniões de interesse, pedofilia escondida sobre casamento, crianças que mal entraram na adolescência já com filhos, ausência de direitos da mulher (é por terem as mulheres em casa que os ciganos não abandonam os idosos), não cumprimento das leis e das regras básicas do convívio humano, racismo contra todos os não ciganos que levam as meninas ciganas a serem discriminadas nas escolas e terem turmas próprias para não serem “conspurcadas” por crianças não ciganas, violência armada, sempre em grupo, por motivos fúteis …
    Admiram-se os politicamente correctos que Custóias tenha uma elevadíssima população prisional cigana?
    Admiram-se que só menos de 5% dos jovens ciganos terminem o 12º ano?
    Admiram-se que nas habitações sociais por eles habitadas não queiram consertar uma simples porta que saiu dos apoios?
    A solução para a não integração dos portugueses de cultura cigana não é fácil, pois os que saíram da comunidade ou foram expulsos ou não querem nada com ela.
    E seriam estes que podiam servir de ponte para civilizar e integrar os portugueses ciganos que se auto-marginalizam.

  4. paulo range says:

    ah, os fofos da extrema direita sempre a esgrimir a peta do “politicamente correcto”. e todos a generalizar.

  5. muito escrevinhador de lero lero vai engolir em seco

Trackbacks

  1. […] de cabeça perdida a comparar a página Os truques da imprensa portuguesa com o KKK. O Expresso que patrocina conteúdos do Correio da Manhã que promovem o candidato autárquico da extrema-direit…. E eu ainda acredito que o Expresso é bem mais do que isto. Apesar da insistência da sua linha […]

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s