É um governo de esquerda, claro

O agravamento de impostos sobre as mais-valias de acções não avançará este ano. Segundo o Diário Económico apurou, o Governo não deverá incluir no Orçamento do Estado para 2010 qualquer medida no sentido de aumentar a carga fiscal sobre os lucros conseguidos com a venda de acções.
Desta forma fica pelo caminho a medida prevista no programa de Governo do PS de “aproximar o regime de tributação das mais-valias mobiliárias ao praticado na generalidade dos países da OCDE” e contraria a recomendação do grupo de especialistas que apresentou um relatório de política fiscal em Outubro passado, a pedido do Ministério das Finanças, onde defendia a tributação das mais-valias.

Via Pedro Magalhães, que escreveu Um  post populista a não perder.

2 comentários em “É um governo de esquerda, claro”

  1. ‘tavas à espera de quê? Se ao Sócrates crescesse o nariz como ao Pinóquio ( com letra grande para ficar ao mesmo nível do primeiro ) já não era preciso construir a linha do TGV – isto para não dizer que podíamos exportar monocarril para qualquer parte do mundo.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.