Pedro Marques Lopes trucida o cherne no DN

Durão Barroso saiu mal de Portugal e deixou a União Europeia ainda pior. É um político que entra sempre pela porta grande e sai sempre por uma muito pequena. O seu mandato só não fica para a história como um terrível fracasso porque nem para a história fica.

Comments

  1. João says:

    Mas quem é o Pedro Marques Lopes para merecer destaque neste blogue? Como não sabia quem era fui procurar na net e encontrei o seu cv
    “Ex-merceeiro, ex-cauteleiro, ex-gasolineiro, ex-bancário, ex-funcionário de telecomunicações, consultor, empresário, gestor, jurista, colunista, comentador, pai e tripeiro em regime de exclusividade.
    Foi também apoiantes do Passos Coelho.
    Quem quer saber da sua opinião?
    Do que li não encontrei uma ideia que mercê a pena.
    As pessoas só tem a importância que lhes dão.

    • j. manuel cordeiro says:

      Falta, nesse CV, dizer que é um dos actuais grandes críticos de Passos Coelho. Quanto a ter sido apoiante de Passos Coelho, andou na corda bamba, dando uma no cravo e outra na ferradura. Mas rapidamente passou para o lado dos que consideram PPC como o pior primeiro-ministro do pós 25 de Abril. Basta ouvir:

      Bloco Central – Edição de 28 de Maio 2011 – Campanha eleitoral
      28 de maio de 2011 17:46
      Edição de 28 de Maio 2011 – Campanha eleitoral
      podcast.cdn.tsf.pt/blo_20110528.mp3

      Bloco Central – Edição de 21 de Maio 2011 – O debate entre José Sócrates e Pedro Passos Coelho
      21 de maio de 2011 21:09
      Edição de 21 de Maio 2011 – O debate entre José Sócrates e Pedro Passos Coelho
      podcast.cdn.tsf.pt/blo_20110521.mp3

      Presentemente, PML é um laranjinha incómodo para os laranjinhas. Temos pena.


    • João este blog é feito por muitas pessoas e cada uma delas decide o que tem ou não tem destaque nos seus artigos. nos meus decido eu e, na minha opinião, o artigo do Pedro Marques Lopes é óptimo. Não concorda? Eu respeito isso. Respeite também você a liberdade de quem decidiu citá-lo.

      Quanto a quem quer saber da sua opinião, tanto quanto sei, há muito quem queira. Eu não concordo com tudo o que ele diz, nem tão pouco sou liberal. Mas também não sou sectário e concordo várias vezes com as posições dele. Pode ter apoiado Passos Coelho mas penso que já se terá arrependido e é hoje um dos críticos mais ferozes e coerentes que se opõe a esta governação na comunicação social. Para além de ser um dos subscritores do Manifesto dos 70. Para mim, e para além deste artigo, tem muitas ideias que valem a pena. muitas. talvez se ouvir os links que o J.Manuel Cordeiro deixa em cima perceba isso também.


    • Muito bem, João. O Passos.-que-abre-todas-as-portas, não presta mas não gosto de troca tintas

  2. fantasiaseperplexidades says:

    “Biografia” romanceada de PML por Bernardo Pires de Lima. E quem é BPL? Ide procurer.


    • não percebi o enquadramento do BPL neste post mas conte-nos tudo sobre a heresia do homem fantasiaseperplexidades…

      • fantasiaseperplexidades says:

        Os precisos termos usados por ‘João’ (28/10/2014 às 18:11) encontrei-os no Blog Uniao de Facto. Terao sido escritos por BPL ou pelo PML himself? Provavelmente a última é a verdadeira, e nesse caso retracto -me do comentário que, implicitamente, sugeria que o BPL era um boy situacionista ressabiado com a mudança de campo do PML. Assim, transfiro esta suposiçao para o “Joao” das 18:11.


        • Eu não sou propriamente um fã do PML sabe? simplesmente gostei da crónica que escreveu. foi apoiante do incompetente que nos governa mas abriu os olhos a tempo. é não é propriamente um acobardado!

  3. fantasiaseperplexidades says:

    “procurar”

  4. Ernesto Martins Vaz Ribeiro says:

    Eu acho graça a esta situação. Dá para dizer “matem a mensagem, mas poupem o mensageiro”. Tipicamente português, ataca-se o redactor, passando-se ao lado do conteúdo e a mensagem – que deveria ser o cerne (que por acaso também é cherne) – não tem qualquer impacto ou seja, não foi digerida. E as consequências são evidentes : a cavacada e a coelhada vão ganhando as eleições com maioria absoluta e vão-nos depenando. E nós, continuamos a discutir D. Sebastião e/ou o mensageiro. O artigo está muito bem escrito, independentemente do emissor, mas deixa-me uma questão: O cherne sempre entrou por uma porta grande (mesmo quando era maoísta) e sempre saiu pela porta pequena (mesmo sendo neoliberal). O problema é, quanto a mim, que a porta de entrada parece aumentar à medida que o dito cherne engorda, dando passagem cada vez mais confortável ao político “lateiro”, básico e oportunista… E deixo a pergunta: Qual será a próxima grande porta por onde ele vai entrar? Esqueçam um pouco o modo como ele vai sair e concentrem-se na porta por onde vai entrar… E vai uma aposta? E até vai ser eleito com maioria absoluta. E sabe-se porquê: É porque o português adora matar o mensageiro, relegando a mensagem para a última posição…
    NOTA: Não vou com laranjas arrependidos ou não, porque a laranja deixa-me sempre nas mãos, um cheiro que me enjoa…

  5. António Almeida says:

    Este Pedro marques Lopes, é um vira-casacas !
    Que é que ele faz na vida ?
    Eu vejo-o em tudo que é sítio a comentar, como sendo da direita, mas o seu papel é de dizer o pior possível do Governo e do Presidente da República!
    Assuma-se !
    Diga que mudou de camisola !
    Bloco Central ou Bloco do PS ?


    • discordo António. acredito que o PML é um homem de princípios e que simplesmente sente que foi traído pelas pessoas em quem acreditou e que ajudou a chegar ao poder. grave seria se ele não visse no que deu o flop Passos Coelho…


  6. Ainda não arrefeceu a cadeira(aquario?) de onde saiu o cherne e já os acontecimentos estão a provar que a seguir virá quem bem de mim fará. Junker o trapaceiro da UE para chefe da CE!!! Cherne volta estas perdoado.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.