Até que enfim…

O inquilino do palácio situado nas imediações da antiga fábrica dos pastéis de Belém revelou alguma utilidade e vetou o diploma que alimentava o proxenetismo cultural, travestido de direitos de autor…

Comments

  1. j. manuel cordeiro says:

    É caso para dizer: embrulha SPA. Mas é vitória temporária, aposto. Volta ao parlamento e regressa na mesma (ou pior).

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.