E Europa não é para toda a vida

Europa

No dia em que Passos e Costa conseguiram finalmente debater – uma espécie de debate vá lá – a Europa, deixo-vos com esta capa do jornal I, evocativa do Tratado de Maastricht que, à semelhança de outros tratados, como o perigoso TTIP que está para chegar, foi debatido em circuito fechado pelas elites do costume. E mesmo estas apresentavam reservas dignas de registo, do “carácter perigoso” da “superioridade” alemã enunciado pelo irrevogável ao vaticínio do senhor Aníbal de que “Europa não é para toda a vida“. Estes radicais de esquerda…

Comments

  1. R.J.O. says:

    Como a memória é curta …

  2. Filipe says:

    Os homens das 1001 uma caras.

  3. Ana Moreno says:

    O artigo diz “(…) como o perigoso TTIP que está para chegar (…)”.
    Passar esta ideia de que não há nada a fazer e que o TTIP já está para chegar é errado e contraproducente; não sei se é falta de conhecimento, mas em todo o caso: as negociações estão longe de estarem concluídas e o protesto europeu contra o TTIP está em plena acção! A Iniciativa de Cidadania Europeia já ultrapassou os 2,7 milhões de assinaturas e só falta Portugal assinar em massa para não ser um dos poucos países europeus que não consegue o quórum necessário. Assinem pois aqui, em vez de cruzarem os braços:
    https://www.nao-ao-ttip.pt/assina-a-iniciativa-de-cidadania-europeia/