Da ausência de pluralidade no comentário político em Portugal

Think

São 23:40. Nos três canais noticiosos que existem em Portugal, discutem-se as eleições presidenciais. Na TVI24 estão três comentadores, todos de direita, a discutir a vitória do comentador de direita. Temos João Miguel Tavares, António Costa do Diário Económico e David Dinis da Fox News portuguesa do Observador. A Fox News portuguesa O Observador está também representado  na RTP3 com o incontornável José Manuel Fernandes, num painel feito de comentadores e politólogos essencialmente de direita. Num e noutro canal, não há um único comentador próximo das posições do PCP ou do Bloco de Esquerda. Eles até existem, mas a sua opinião aparentemente não conta. Pacheco Pereira, na SIC Notícias, será porventura aquele que mais se aproxima. Um perigoso e radical social-democrata.

Comments

  1. jpfigueiredo says:

    O David Dinis substitui o Paulo Baldaia na TSF, que passa agora a chamar-se RIP…

  2. Camaradas says:

    É uma vergonha, devia de ser como sempre, por exemplo aquele programa onde está apenas o rangel de direita, contra o rosas, O não se quê do ps Sócrates e a contança de esquerda cunha e sá, isso sim, são bons programamas.

  3. Konigvs says:

    Mais grave ainda é ver quais são os comentadores que, todos os dias estão nas televisões e que comentam noticiários. Primeiro não tinham de lá estar, pois um noticiário é para informar, não é para emitir opinião, e as pessoas não são lorpas para terem ali uma pessoa a explicar-lhe a notícia somo se tivesse a inteligência de uma criança de seis anos. Mas ainda por cima vêm todos da mesma ala política.
    E foi assim, a comentar noticias, que um comentador, que defende veementemente uma coisa e o seu oposto, e que na dúvida quer um referendo, que um dia chegou a presidente da república. Porreiro pá.

Trackbacks


  1. […] nota em Bruxelas. Candidatar-se a Belém, porém, foi considerado por muitos um tiro no escuro e o mundo parcial do comentário político não perdeu tempo a destacar a sua juventude e inexperiência, procurando descredibilizar a sua […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.