Ui que medo! Os juros dos periféricos estão a cair…

TC

António Costa visitou recentemente a Grécia para se encontrar com o seu homólogo. A ala sarnenta da direita, sedenta de sangue, purgas e austeridade virtuosa, rosnou com vigor e dedicou-se, nos dias que se seguiram, a conjecturar cenários de catástrofe derivados de um encontro normal entre chefes de Estado, que de resto partilham problemas comuns. Entre roncos e anúncios do apocalipse, os juros da dívida de Portugal e Grécia viveram uma semana de queda significativa, em contraciclo com a maioria dos parceiros europeus. Vale o que vale, que os mercados são outro bicho bipolar que rosna e dá a pata sem que se perceba muito bem porquê. Mas tem sempre a sua piada ver os fanáticos a estrebuchar. Que falta que lhes está a fazer outra crise internacional. Tenham calma bichinhos, lá chegaremos.

Comments


  1. “Que falta que lhes está a fazer outra crise internacional. ”

    De facto, sempre que criam 1 crise, a sua fortuna e poder pulam e avançam…..

    E o pessoal fica tão cheio de medo que aceita mais cortes no dinheiro que recebem pelo seu trabalho, despedem-se da casa que vai a leilão, aceitam ficar em corredores de hospitais à espera, aceita retirar os filhos das universidades e meter os mais pequenos em cursos vocacionais aos 10 anos e, pior do que tudo, recusa-se a usar os óculos do filme de John Carpenter “Eles Vivem”. Nos entretantos, comem as notícias que lhes vão dando na rário, TV e jornais, patrocinados por uma bebida qualquer.

    E esperam pelo Verão, enquanto que não se lembrem de as privatizar, talvez com excepção de uma ali para os lados da Cova do Vapôr.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.