Dê-lhes com a pá de trolha, sr. ministro!

Andam revoltados, os clientes do BPP, porque o Estado não lhes garante as fortunas que livremente depositaram no Banco. Agora, atiram-se ao Governo porque não lhes garante mais do que 50 mil contos. Veja-se lá que ninharia! Hoje, junto do ministro Teixeira dos Santos, fizeram-se ouvir.
Não ligue, sr. ministro, não ligue. E olhe: dê-lhes com a pá de trolha de Serralves, que é disso que eles estão a precisar.

Comments

  1. cheguevara says:

    és um comuna, um infeliz que nunca trabalhou e está a mamar do estado

  2. Ricardo Santos Pinto says:

    Pois, e tu deves ser dos fachos que lá tem os 50 mil entalados. Se os tinham, é porque os roubaram a alguém.

  3. Francisco Tavares says:

    Se não tivessem sido gananciosos tinham depositado em certificados de aforro, CGD, BES, etc.! Queriam lucros tipo D.Branca receberam a resposta! E nós ainda vamos pagar até 250 mil euros por cada um! Não é justo! Justo, justo, era não receberem nada! Aonde é que já se viu a arrogância destes maduros?

  4. pedro silva says:

    ninguém os mandou ser gananciosos. agora sujeitam-se, o povo não tem de andar a alimentar esta gente…


  5. De acordo com todos menos com cheguevara. Vejam ao que cheguei, eu que sempre admirei o Che. Há aplicações de muito baixo risco, de baixo risco, de médio risco e de alto risco. É disto que é feito o capitalismo especulador. O que não há é o mínimo direito de me obrigarem a cobrir os altos riscos dos gananciosos e dos especuladores. As minhas parcas economias não se encontram em BPPs nem BPNs, nem em jogatinas semelhantes.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.