Apanhar no Lombo…

Nestas coisas de memória é necessário todo o cuidado. É como as lombas na estrada que nos magoam o lombo:

A verdade é que, apesar de todas as experiências falhadas no ensino público, apesar das ilusões igualitárias, apesar dos muitos ministros da educação que já aguentámos, apesar da má gestão de recursos, apesar dos professores com espírito de função pública ou sindicalista, apesar dos estudantes que se queixam do “sistema” quando deviam era ter juizinho e queixar-se de si próprios, apesar disto e do resto, a escola pública tem sido, nestas últimas décadas, o melhor, o mais eficaz, senão mesmo o único realmente eficaz, instrumento de mobilidade social na sociedade portuguesa. Num país cronicamente desigualitário, eis um dado sociológico que tem feito uma enorme diferença.
….
Mas quando penso em todos os meus ex-colegas que não contribuíram para a nossa subida no ranking ou que ficaram pelo caminho, não me ocorre atribuir responsabilidades à escola pública. Nem a eles. A vida é complicada.

Lomba DN 1-11-2007

Só à custa de um acaso é que uma pessoa acaba por se libertar do meio onde nasceu.

Tudo isto sugere que a cultura da imobilidade existente na sociedade portuguesa tem de ser combatida primeiramente através de uma ruptura na educação. Nada que não soubéssemos já, nem que não nos tivesse sido dito centenas de vezes. O que não nos disseram ainda é que temos ser capazes de quebrar alguns mitos que têm alimentado o nosso sistema de ensino. O projecto da mobilidade social requer uma educação mais diferenciadora, responsabilizadora e aberta.

Lomba, Público, 4-3-2010




Comments

  1. Luis Moreira says:

    Um acaso como chamar-se Barroso Soares, aos 32 anos é administrador da PT…

  2. brmf says:

    Caro FMS, eu não gosto muito da estratégia de ir buscar escritos passados na argumentação (todos já dissemos coisas com as quais não nos revemos à data de hoje – e neste caso acho que o Pedro Lomba não foi feliz), mas não vejo uma contradição muito grande entre os dois escritos citados. O primeiro texto é um “apesar de tudo”.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.