Rui Rio leva dois puxões de orelhas e fica de castigo

Queria Rui Rio privatizar a antiga Biblioteca Infantil Pedro Ivo, na Praça do Marquês do Pombal, recentemente ocupada e logo entaipada. Teve azar. Adivinhem quem ganhou a concessão e quer devolver o espaço à sua nobre função original?

Comments

  1. Andrade says:

    É de louvar que se tenha defendido os direitos e os interesses da população ao expulsar os criminosos do equipamento público que tomaram de assalto. A concessão do espaço, sobretudo nos moldes como foi feita, só vem a refutar as críticas desligadas da realidade vindas do sector da população que apoia esses criminosos, e demonstra que é possível e real que o interesse público seja respeitado, e que nada justifica essa criminalidade mascarada de guerrilha política.

    • Carla Romualdo says:

      o sr. Andrade conheceu a biblioteca Pedro Ivo antes do encerramento? Eu conheci-a bem, conheci a bibliotecária responsável, e posso dizer-lhe que era um dos espaços mais valiosos de uma cidade que tem muito pouco a oferecer às crianças e jovens sem dinheiro para ATLs particulares. Nessa altura, já lá vão uns anos, muitas das escolas públicas nem sequer tinham uma biblioteca digna desse nome.
      O que há agora, e houve nos últimos anos, é um espaço encerrado, sujo, num jardim degradado. Esse, para mim, é o verdadeiro crime. Que não se faça nada para devolver o espaço à cidade nem se deixe fazer.

    • Criminoso é quem manda entaipar espaçoes públicos que abandonou.

  2. Carla Romualdo says:

    Não sei muito bem que esperar do Manuel Leitão, mas se a intenção dele é, como diz, reabrir o espaço como biblioteca é uma boa notícia.

  3. jorge says:

    Bem…de leitão até à idade adulta, tudo acontece num ápice. Se em pequeno já se tem comportamentos(acções) destes(as)…quando atingir a maior idade fará, sem sombra de dúvidas, jus ao nome que então ostentará….
    Num país normal, a seguir a um puxão de orelhas suceder-se-ía um par de estalos e acabava-se logo ali a brincadeira, mas…acredito que o senhor ande bem guardado e protegido. Tanta arrogância manifestada só pode ser, seguramente, uma arrogância protegida, e sabemos bem por quem. Quem houve este senhor falar, logo percebe que estas atitudes não estão ainda ao alcance de tão tenra idade…

  4. maria celeste ramos says:

    Quem “houve” este senhor falar, não OUVE nada – precisa de otorrino, pelo menos

    • jorge says:

      Bom dia…
      Tem toda a razão: ouve de ouvir e houve de haver. Mas, sendo a sua correcção/observação pertinente, não deixo de “ler” nas entrelinhas alguma “inquietação” na resposta…

  5. A. Bernardo says:

    Faça o que de mal faça o Sr. Rui Rio (eu pessoalmente acho-o um optimo presidente, que ajudou a reduzir o passivo da Câmara de modo a que seja das CM menos endividadas do País), nunca se deve chegar ao cúmulo de insultar de forma porca e nojenta como este Sr (?) Leitão fez/faz. É um malcriado sem educação e noção dos limites (chegar à beira do Rui Rio e puxar-lhe as orelhas?? Mas ele é amigo do Rui Rio?). Se fosse comigo, mal me tocasse sem eu lhe dar liberdade, levava logo uma chapada no focinho.

  6. Eduardo Silva says:

    Chego a achar alguma graça, e às vezes até não, a esta sede odiosa que alguma esquerda parasita tem da legalidade.
    Não gostam, candidatem-se, e depois se lá estiverem, quando algum “tolinho” vos puxar uma orelha, façam com que os vossos seguranças crivem o dito bicho de chumbo. Ou pensam que a história do famigerado e muito vosso querido bloco de Leste está apagada.
    Quanto ao Rui Rio, ide pondo as barbinhas de molho, porque ainda o ides ter de “aturar” noutros mais altos voos.

  7. jorge says:

    Não consigo entender, como é que é possível, 3 mandatos de pois, isto é, quase 12 anos depois e com duas maoirias absolutas pelo meio, esta gente não aceitar o veredicto do povo do PORTO. Eles continuam a achar que, mesmo em estando numa larga minoria, quem está mal é o Rui RioRR) e quem o apoiu. Será que não têm noção de que se deve respeitar quem é democraticamente eleito e, numa nova situação de eleições LIVRES(parece que não entendem o que isso é!), clamar os defeitos, os erros, as mentiras que essa pessoa, ou partido, evidenciaram e candidatar-se aos seus lugares? Isto ainda não a Coreia do Norte. E, quer queiram, quer não queiram, o RR tem a maoiria. Melhor uma larga maioria. E mais ainda, se ele pudesse voltar a candidatar-se, dava outro “xito”….Se dava!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.