Paulo Portas, o maior ” artista ” português.

Este é um pequeno vídeo biográfico sobre, Paulo Portas, o maior ” artista de variedades ” da política portuguesa.

Estamos a falar de um multifacetado ” artista ” que conquistou, ao longo de 18 anos de carreira, os mais diversos públicos, desde o estilo romântico, passando pelo rock, o pop, o gospel, o psytrance, o techno, sem esquecer claro o nosso fado. Haja uma eleição que o ” artista ” toca o ritmo que está na moda.

Os seus fãs pensavam ser tudo cantado ” ao vivo “, até que agora perceberam que tudo não passaram de muitos e muitos ” playbacks “.

Esta supresa abalou o país. A desilusão está instalada nos seus fãs que parece ser ” irrevogável “. E agora a pergunta que todos colocam é só uma: como vai Paulo Portas conseguir sair desta?

É para mim inconcebível que o PSD tenha feito uma coligação pré-eleitoral com este ” artista de variedades “. Entendo que estamos perante uma coligação PSD / Paulo Portas e não uma coligação entre dois partidos políticos.

fonte: vídeo de Luis Vargas

Comments

  1. Carvalho says:

    Eu pensava que o Aventar era um blogue de gente de esquerda, de livre troca de opiniões e de livre comentário.

    Afinal, sem que ninguém perceba de onde caiu, aparece aqui este “Senhor” PV Silva, um “cavalheiro” de direita, a desancar em quem não gosta e a apagar os comentários de cuja opinião discorda, qual salazarzinho de trazer por casa.

    Ainda por cima, escreve num linguajar estranho, cheio de erros de português, qual mau aluno de primária escola.

    Uma de duas: ou aturamos este “senhor” ou apagamos o Aventar da barra de Favoritos. Acho que vou optar pela 2ª…

    • A. M. says:

      Por acaso, não aprecio os escritos desta pessoa. Parecem-me superficiais, por vezes a roçar o cor-de-rosa, outras vezes simplesmente discordo do conteúdo. Passo a frente, já sei que num blog plural é um dano colateral. Do que percebo tem apagado comentários que são ataques ad hominem – isto não é censura. Mas pressão para alguém não escrever, porque não gostamos do que essa pessoa escreve, é coisa que não faço e que considero, isso sim, é uma tentativa de censura.


      • Grande hipocrisia. Mas este texto do sr Silva não é também um ataque ad hominem, de conteúdo zero, ao inenarrável Portas ?

        Dizia a minha Avó, ou há moralidade ou comem todos.

        • Paulo Vieira da Silva says:

          Caro JV,

          Folgo em saber que considera o conteúdo do video zero. Eu não, para mim é a demagogia levado ao limite. O resto é ironia. Lamento muito que não tenha percebido. A ironia é um dos mais importantes sinais de inteligência do Homem.

          Cumprimentos.

    • Ana A. says:

      Acho que o Sr. Carvalho está a ver mal o problema!
      Se este “senhor” for escrever só nos blogues dos seus apaniguados, ficaremos sem saber como é que esta direita salazarista vai contaminar estas eleições, além de não podermos apresentar o contraditório com os factos que estão à vista, mas que não são visíveis a quem tem palas partidárias!

    • Paulo Vieira da Silva says:

      Caro Sr. Carvalho, eu apenas apago comentários e continuarei apagá-los sempre que ultrapassarem o limiar da boa educação e da urbanidade independentemente de me atingirem a mim ou quaisquer outras pessoas.

      A boa educacão não é propriedade da ” esquerda ” ou da ” direita”. Entendo que a boa educação é património de uma sociedade civilizada onde todos se tratam com respeito independentemente da opinião de cada indivíduo.

      Desculpe a minha franqueza mas V. Exa., é que deve ter problemas com a pluralidade de opiniões quando diz ” pensava que o Aventar era um blogue de gente de esquerda “. Onde fica então a liberdade de expressão um dos símbolos maiores da revolução de Abril? As pessoas ” de direita ” não têm direito a expressar a sua opinião escolhendo os temas sobre o que escrevem de forma livre?

      Antes de responder-lhe tive o cuidado de ver o número de partilhas dos meus textos e verifiquei que são dos mais partilhados no facebook. Aliás como são também dos mais comentados , esquecendo claro as centenas de comentários injuriosos que apenas pretendem colocar em causa o meu bom nome e idoneidade, de que sou alvo numa campanha diária ” ad hominen “, sem precedentes num blogue.

      O fenómeno das partilhas e dos comentários penso que reflecte o nível de interesse dos leitores do Aventar pelos meus textos , apesar, e passo a citá-lo, do ” Senhor PV Silva, um “cavalheiro” de direita, a desancar em quem não gosta e a apagar os comentários de cuja opinião discorda, qual salazarzinho de trazer por casa ” sublinhando que ” Ainda por cima, escreve num linguajar estranho, cheio de erros de português, qual mau aluno de primária escola.”.

      Perante os factos da frieza dos números chego à conclusão que a generalidade das apreciações da maioria dos leitores do Aventar não é coincidente com a sua, o que me deixa particularmente satisfeito.

      Em relação a eliminar o Aventar dos seus favoritos peço-lhe sff que não o faça em nome dos meus colegas que escrevem e exercem a sua cidadania neste espaço. Não cometa o erro de tomar ” a parte ” pelo ” todo “.

      Em relação aos meus textos sugiro-lhe que sempre que se confrontar com um faça de conta que não existo e que está perante uma página em branco. Vai ver que não dói, nem custa nada.

      Cumprimentos.

      • José Peralta says:

        Ó sr. Carvalho ! Eu assumo-me como um “palerma” que partilhou, e partilhará todos os vídeos que denunciem as mentiras, ou ponham a ridículo, ( e “o ridículo, mata”…) estes fantoches canalhas que têm destruído o País ! E mesmo aqui, na coluna direita do Aventar, está o “best-of” das patranhas de um desses canalhas, o aldrabão-mór coelho, em boa hora compilado por um dos seus titulares titulares, e que eu tenho “usado” à saciedade ! E sabe porquê ? Porque esses vídeos, em minha opinião, parece-me que de pessoas de direita é que não são ! Mas se quer “desses”, vá ao “blasfémias”…E se “ainda não percebeu, não vale a pena tentar explicar-lhe de outro modo” ! E, já agora, explique-me, por favor, a “estatística” que lhe permite dizer que, (além de mim “que me confessei… “)existem muitos outros palermas” ! É possuidor de algum “palermímetro” ?

      • José Peralta says:

        JVC
        Quer ver que “eu, e a Visão também fomos convidados” pelo Aventar para cascar no “marquinhos”, o tal que em 4 anos, aumentou os seus rendimentos em 999% ?
        Ou o seu “ego”, é um acrisolado “defensor” da fortuna do bigmac ?

        http://visao.sapo.pt/como-cresceu-o-big-mac=f824432

  2. doorstep says:

    As criticas de Carvalho e A.M. a Paulo Vieira da Silva estão eivadas de facciosismo, e revelam a incapacidade de uma certa “esquerda” compreender que em todos os quadrantes políticos existem pessoas de bem – o que me parece ser o caso de PVS.

    Quando se lança em discursos encomiásticos de pessoas como o tipo da sonae – e digo “tipo”, porque só um tipo carente de escrúpulos investe em publicidade nos canais televisivos da iurd (por exemplo – e exemplos não faltam), também PVS me dá comichões.

    Quando se mete com o paulinho de agora, demonstrando que o foi sempre, e se esquece que é pela 2.a vez que o dito vai com as outras a jogo, PVS falha grosseiramente o alvo.

    Quando fica patente que ao seu discurso escrito faltam estilo e verve, ler PVS é menos interessante.

    Mas intimar o Aventar a eliminá-lo e/ou apodá-lo de “salazarento”… revela laivos de estalinismo, e, acima de tudo de grande falta de educação, de maior falta de elegância… e de desrespeito pela integridade intelectual e pessoal dos gestores do Aventar.

    • A. M. says:

      “As criticas de Carvalho e A.M. a Paulo Vieira da Silva estão eivadas de facciosismo, e revelam a incapacidade de uma certa “esquerda” compreender que em todos os quadrantes políticos existem pessoas de bem – o que me parece ser o caso de PVS.”

      Primeiro, não me considero de esquerda. Segundo, justifico a minha posição. Terceiro até estou a defender o autor, mesmo não gostando do que ele escreve. Depreendo que V.Exa. não entende o que lê

  3. João Silva says:

    Bem penso que dar opinião não ofende ninguém. Apesar de concordar com estas afirmações não vejo necessidade de tanta exaltação em alguns comentários que li.

  4. Rui Macafeu says:

    Concordo com o Dr. Paulo, é preciso por estes parasitas que nos levaram a esta situação no lugar deles(cadeia). Quanto aos comentários insultuosos, eu faria o mesmo, este é um forum para transmitir ideias/opiniões e ter conversas construtivas, quer insultar vá para os fóruns da bola descarregar os seus ódios com a canalhada que lá anda.


  5. Será esse ou este?

    https://youtu.be/EartTuAf__M


  6. “Antes de responder-lhe tive o cuidado de ver o número de partilhas dos meus textos e verifiquei que são dos mais partilhados no facebook. Aliás como são também dos mais comentados , esquecendo claro as centenas de comentários injuriosos que apenas pretendem colocar em causa o meu bom nome e idoneidade, de que sou alvo numa campanha diária ” ad hominen “, sem precedentes num blogue.”

    Não fora a “contratação” de paulo vieira da silva e o Aventar arriscava a descida de divisão…

    Os Aventadores que ao longo dos anos têm dado corpo a este projecto devem – lhe estar agradecidos por este novo alento.

    • Paulo Vieira da Silva says:

      Caro Adelino grato pelas suas ” simpáticas ” palavras, porém lamento que queira com este seu comentário tentar dividir os autores deste blogue que com muito mérito e dedicação construiram o Aventar. Mas lamento também que não tenha feito qualquer comentário relativamente aos ataques ” ad hominem ” que tenho sido alvo. Esta dualidade de critérios diz bem dos seus objectivos.

      É inacreditável como uma pessoa pode incomodar tanta gente, mas como dizia o meu saudoso Avô ” só se atiram pedras às árvores que dão fruto”.

      Cumprimentos.

      • Carvalho says:

        É “ad hominem” que se escreve! Você não escreve duas palavras sem erros de português! É obra!
        Onde é que você estudou? agradeço que me diga para não mandar os meus filhos para lá.

        PVSilva, eu até lhe explico isto: não posso consigo! Nada de pessoal, é apenas asco por todos os militantes do PSD, esse partido de bandidos e ladrões que deu cabo do meu país.
        O seu partido é um partido que me merece apenas asco, repugnância, nojo extremo. O partido e todos os que, como você, o suportam. Para mim, são escumalha inimiga do povo e do meu país. Percebeu ou quer um desenho?
        E, se me ofender, por favor faça-o em português correcto.

        • Paulo Vieira da Silva says:

          Caro Carvalho, já podia ter sido honesto e ter dito as razões que o levavam atacar-me pessoalmente.

          Sim, é verdade, sou militante do PSD, mas muito critico da actual direcção do partido. Convido-o a visitar a minha página no facebook e ficará a conhecer melhor o meu pensamento sobre diversas temáticas relativas á actual governação e direcção do PSD.

          Sou um social-democrata que acredita na ideologia politica colocada em prática por homens como Willy Brandt, Helmut Schmidt, Olof Palme ou Francisco Sá Carneiro e distante da colocada em prática por Pedro Passos Coelho.

          Cumprimentos.


          • «Pedro Passos Coelho é o melhor primeiro-ministro dos últimos 40 anos, em Portugal» (cito de cabeça, logo não rigorosamente como o original. Pode ser 40, como 35; pode ser melhor, como um dos melhores).
            Não ligues aos estalinistas que te chamam salazarento, nem aos salazaristas que te venham a chamar estalinento.
            Quanto aos erros de português, contacta-me, se quiseres.
            Abraço.
            Carinha

  7. Paulo Vieira da Silva says:

    Estimado amigo,

    Agradeço as tuas amáveis palavras. Não sou funcionário público e como sabes gerir várias empresas não deixa muito tempo livre. Os erros são muitas vezes de escrever a correr no smartphone. É a velhice, são ecrãs pequenos, e a velhice não perdoa começando a ver mal ao perto. Um forte abraço.

    • Ana A. says:

      “…gerir várias empresas não deixa muito tempo livre.”
      Que chatice, essa falta de tempo! Olhe, se quiser aplicar a sua social-democracia, contrate no IEFP alguém que o ajude nessas tarefas, e assim, ajuda-se a si mesmo e ajuda o país!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.