Irónico


IdS

A propósito da desblindagem dos estatutos do BPI, Isabel dos Santos acusou o governo português de criar uma lei parcial. Irónico vindo de alguém que deve a sua imensa fortuna à exploração do povo angolano, permanentemente espoliado pela parcialidade que impera no regime do seu pai.

Comments

  1. Carvalho says:

    Mas ela fala? Alguém já lhe ouviu dizer uma palavra que seja? Diz quem sabe que é burra de mais e por isso não a deixam falar. Não passa de testa-de-ferro dos economistas que o papá-corrupto-mor nomeia para as empresas, enquanto a burra se limita a assinar onde lhe põem a cruzinha. E mesmo assim com uma seta a apontar para a cruzinha onde há-de rabiscar o nome vergonhoso de uma família de ladrões do povo angolano.
    Os seguranças não deixam os jornalistas chegar nem próximo, não vá a burra falar e eles gravarem as asneiras.
    “Empresária”? sim, sim, deixem-me rir…

  2. A.Silva says:

    O joão mendes, defendendo uma actitude colonialista de Portugal em relação a Angola, ao mesmo tempo que é de subserviência de Portugal em relação à união europeia.

    • Manuel Santos says:

      Outra vez?! Qual atitude colonialista qual quê! Eu tenho saudades da minha terra, muitas, mas não quero lá meter a pata. Essa da atitude colonialista já foi chão que serviu para uvas. Aquilo é um regime corrupto, cleptocrata e, logo (só pode), ditatorial. Ponto final.

    • Oh Silva colonialista é o regime que defende que se comporta como os colonialistas comportavam no passado. Ganhe juízo!

Trackbacks

  1. […] dos Santos critica Governo por criar “diploma BPI”. Irónico, […]

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Alterar )

Connecting to %s