Milionários estrangeiros fazem fila para pagar novo imposto sobre o património


cascais

Depois da tragédia na Comporta, eis que uma nova tragédia paira sobre este país, outrora governado por gente austera e disciplinada, hoje palco da mais atroz sovietização de que há memória desde os tempos do PREC. Segundo avança o folhetim marxista-leninista do camarada Balsemão, existe uma longa fila de espera para comprar casas de luxo em Cascais. Como é óbvio, estamos perante um conjunto de milionários iludidos pela propaganda estalinista da Geringonça totalitária, que ignoram que serão espoliados de todos os seus bens através do novo imposto sobre o património, que terá ainda, como efeito colateral, a destruição absoluta da classe média e dos colégios privados com contrato de associação. O drama, a tragédia, o horror. A austeridade de esquerda que nos engolirá a todos.

Foto: João Carlos Santos@Expresso

Comments

  1. Que arrepio. Será que os citados Estalinistas ainda comem bebés ao pequeno almoço? Ou está pesaroso de quem vive em Cascais?

  2. O débil mental que fala do estalinismo da geringonça pretende que os outros tb sejam tão ou mais débeis mentais que o seu limitado umbigo. A sua incrível cegueira quase que o leva a creditar nas suas próprias tretas. Não há pachorra para aturar mais esta corja que escorre da direita. A sua estupidez e arrogância balofa ultrapassaram todos os limites. Não percamos mais tempo. Há coisas muito mais importantes do que dar atenção à rasteiridade….
    Não esbanjámos………Não pagamos!!!!!!

  3. Rui Naldinho says:
  4. Vítor Cruz says:

    oh Joséliveira…você já não distingue a ironia e o humor dum texto, a metáfora e o gozo??? Valha-lhe Deus…

Trackbacks

  1. […] alimentares com excesso de sal e açúcar, que juntamente com o novo imposto sobre o património, o tal que ia afugentar os investidores que fazem fila para comprar moradias de luxo em Cascais, representam aquilo a que os profetas da desgraça se referem como sendo a “austeridade de […]

  2. […] da Renault ou dos alemães da Eberspaecher, apenas para citar alguns casos, aos quais acrescento a insólita fila de espera de milionários estrangeiros que sonham adquirir um imóvel de luxo em Ca…. Apesar do violento imposto sobre o património. A explicação mais lógica, a meu ver, é […]

  3. […] de incidência parlamentar entre o PS e os hereges de esquerda. O desemprego subia em flecha, o investimento estrangeiro a fugia a sete pés, não fosse o imposto sobre o património apanhá-lo, o défice descontrolado como nunca, […]

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s