Harmonia conjugal

Então imaginem que andam a trabalhar como cavalos, que não têm tempo livre para as pessoas e para as coisas de que gostam e que decidem borrifar-se em todas as obrigações e ir passar uma tarde com a família num sítio de que gostam muito. Vá lá, imaginem que é Serralves. E imaginem que enquanto andam a correr atrás do vosso filho, num daqueles momentos idílicos –  família, natureza, quality time –  se deparam com o ministro das Finanças.

Estão a ver aquela pá de não sei quantos metros que está na entrada principal de Serralves? Imaginem que o ministro está lá encostado a posar para a fotografia. E que num momento de simpatia e proximidade com o povo, o ministro, olhando para o quadro idílico – família (que são vocês), natureza, quality time – pisca-vos o olho e diz “Esta pá é para tapar o buraco no Orçamento de Estado”. E o vosso maravilhoso marido (sim, permitam-me que diga isto), olha para o ministro com um ar cândido e pergunta “E chega?” E o ministro faz um sorriso amarelo e lá parte com a mini-comitiva.

Oh, que harmonia conjugal, quando um marido faz isto num sábado à tarde.

Comments

  1. Luis Moreira says:

    E o teu maravilhoso marido lá lhe deu gaz para mais uns tempos…

  2. Carla Romualdo says:

    Não te acredites nisso


  3. Mas mostra que, mesmo amarelo, o ministro tem sentido de humor.

  4. Ricardo Santos Pinto says:

    Vi-o uma vez no Continente do «Dolce Vita», acompanhado da mulher, Domingo à tarde. Gostava de lhe ter dito alguma coisa.

    • Ricardo Santos Pinto says:

      E a máquina fotográfica, onde estava?

      • Luís Moreira says:

        Não estava a foto mas estava a crónica. Só ficaste a ganhar (Ricardo, tens que comer muita papa de milho para dizeres uma coisa linda assim a uma mulher). E ainda por cima é verdade!;-)

  5. maria monteiro says:

    Carla, nunca fui a Serralves, nem nunca encontrei o ministro mas na quinta-feira gente do norte desceu à capital. Deu para um cafezinho, conversa, mini passeio pelo PNações… estou a falar do “nosso” Adalberto que te manda 1 grande abraço

  6. maria monteiro says:

    Claro que não insultou nem andámos no corte e costura… foi isso sim uma sorte o Adalberto ter vindo cá abaixo e ter havido tempo para um cafezinho

  7. Carla Romualdo says:

    Pois é, faltou a foto, mas ela lá acabou por aparecer. E o ministro não só tem sentido de humor como mostrou ser poupado porque escolheu ir a Serralves num fim de semana de entrada gratuita.

  8. Carla Romualdo says:

    Maria, eu agradeço e retribuo. E outro grande para si

Trackbacks


  1. […] recentes maria monteiro em Harmonia conjugalmaria monteiro em Manuel Alegre e Marcha católica dos passadistasFelipe Campos em Bye, bye, […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.