Bufos (I)

Bufo-real (Bubo bubo)

Depois do polvo, hoje é dia do bufo.

A maior das rapinas nocturnas portuguesas, o bufo-real é uma das espécies mais cobiçadas pelos observadores de aves, mas nem sempre é fácil de encontrar.

Enorme, com os seus 60 cm de tamanho o bufo-real é inconfundível.

Possui dois penachos sobre a cabeça, que fazem lembrar duas “orelhas”. Os olhos, muito grandes, são cor-de-laranja.

O seu canto “Uhu” pode ser ouvido a vários quilómetros de distância.

Tal como a maioria das outras rapinas nocturnas, o bufo-real raramente aparece de dia, o que torna a sua observação bastante difícil e pode dar a ideia de se tratar de uma espécie muito rara. Contudo, esta espécie não é especialmente rara e pode mesmo ser encontrada com regularidade em certas zonas no interior. No entanto, devido aos seus hábitos nocturnos é mais facilmente ouvida que vista. A sua actividade vocal é mais intensa nos meses de Inverno (particularmente de Novembro a Fevereiro).

Aves de Portugal

Comments

  1. Grunho says:

    Não insultes a magnífica ave que é o bufo-real .

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.