Miguel Abrantes: E afinal é mesmo um assessor do Governo

E afinal Miguel Abrantes é mesmo um assessor do Governo, segundo o artigo de hoje do «Correio da Manhã» que me chegou ao conhecimento via A Regra do Jogo.
Como refere Eduardo Dâmaso na sua investigação, «Assessores, chefes de gabinete, membros do Governo usaram o seu tempo, pago pelo erário público, instalações do Estado, meios informáticos públicos e informação privilegiada para fins de combate político. Como o CM demonstra nesta edição, o Governo alimentou blogues de campanha eleitoral daquela forma, mas também outros que antes e depois do tempo de eleições continuaram a ser a barriga de aluguer de argumentários e documentos pré-fabricados.»
E assim se percebe quem é afinal Miguel Abrantes e de que forma blogues como o Câmara Corporativa, o Simplex ou o Jugular foram criados ou alimentados numa determinada lógica e com um determinado objectivo. O polvo em todo o seu esplendor

Comments

  1. Luis Moreira says:

    É isto que em caso algum podemos meter no Aventar…

  2. roger says:

    Ó Ricardo… vejo que as tuas brilhantes fontes de informação e referência são os excelentes pasquins… nem mais nem menos que o CM e o invertebrado do Eduardo Dâmaso!!!
    BRILHANTE!!!

    • Ricardo Santos Pinto says:

      Escrevi este post há 5 anos. Descobriste-o hoje. Mais vale tarde do que nunca.
      A ajustar contas com o passado?
      A verdade é que já nem me lembrava da existência da Câmara Corporativa.

  3. Luís Lavoura says:

    Os dois primeiros linques não estão ativos.

Trackbacks


  1. […] passou pela cabeça que a PT pudesse ser uma empresa tão instrumentalizável”Luis Moreira em Miguel Abrantes: E afinal é mesmo um assessor do Governo […]


  2. […] fez manchete com uma história que, nesta casa, já em 2010 tinha sido devidamente esmiuçada pelo Ricardo Ferreira Pinto. Seis anos depois, o jornal do arquitecto que gosta de devassar a vida privada dos políticos com […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.