Já é azar

E se o azar do primeiro-ministro influenciar a sorte dos portugueses? Porque sorte o homem parece não ter.